Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Apresentação SEO

2,481 views

Published on

Published in: Business
  • Login to see the comments

Apresentação SEO

  1. 1. SEOEvandro Júnior www.evandrojunior.com @evandrojunior evandrojunior21@gmail.com
  2. 2. O que é SEO (famoso céu ou ciu)? • Search Engine Optimization (SEO) é um conjunto de técnicas, métodos e/ou estudos que visam melhorar o posicionamento de suas páginas nos mecanismos de busca.
  3. 3. PageRank • PageRank (PR) é a forma pela qual o Google procura representar a importância que um site, ou página, tem para ele (Google) frente a Internet.
  4. 4. SEO não é PageRank! • Apresentar seu site para o Google não quer dizer que você aplicou técnicas de SEO no site. Aquela velha frase “Trabalhamos com SEO, colocamos o seu site no Google!”. • Sim seu site está no Google, mas esta sendo acessado? Por quem? De onde? Está sendo bem aceito? • SEO são técnicas aplicadas a um web site, com o propósito de aumentar o fluxo de acessos no mesmo.
  5. 5. Snippet • É o texto que aparece abaixo dos links nos resultados de pesquisa. O mesmo é construído baseado na description do site ou em algum conteúdo dele. O Snippet muda de acordo com a sua pesquisa.
  6. 6. Técnicas de SEO
  7. 7. Otimização de Título • Apesar de não ser tecnicamente uma meta tag, ela é usada juntamente com a description. Geralmente partes dessa tag são usadas para aparecer nas pesquisas. • Google e Bing: o ideal é até 63 caracteres; tolerável 67. Mais do que isto não é exibido. Yahoo: o ideal é até 72 caracteres. É um pouco mais flexível quando este número é ultrapassado. – Quem é esse Bing e esse Yahoo? – Não sei também! • No Brasil 96% do tráfico de busca da internet é gerado pelo Google.
  8. 8. Otimização de Meta Description • Pequena descrição da página. Ponha frases não muito grandes (recomendo no máx. 200 caracteres) e que sejam coerentes com a página. Se for para repetir com o da outra página, melhor nem pôr.
  9. 9. Otimização de Meta Description No exemplo acima, a descrição do site é exatamente a mesma que o Snippet, tal descrição muito objetiva, o resultado fica limitado pela busca das palavras “distribuidora de alimentos”.
  10. 10. Análise de Conteúdo • Se tratando de técnicas, talvez essa seja a mais importante. Envolve deste textos bem elaborados, geralmente feitos por um redator profissional, até a analise de concorrentes e de mercado. • Muita atenção com textos longos e incoerentes, enrolação para encher páginas, conteúdo fora do contexto da página e etc. • Tente usar o máximo de palavras chaves, remetentes ao página, com links para o próprio site e títulos descritivos na palavra linkada.
  11. 11. Otimização de Imagens • Imagens não foram feitas para ocupar espaços dentro do site! • A W3C (The World Wide Web Consortium) não valida sites com imagens sem o alt, essa tag é de grande ajuda, principalmente na busca por imagens. • SEMPRE use as tags title e alt de acordo com o contexto da imagem.
  12. 12. Link Building • SEO além da home page. • Quanto mais links seu site receber maior será seu posicionamento nos buscadores. • É preciso que tenha mais de um ou dois caminhos para chegar ao seu site, espalhe links pela internet e promova seu site. • As técnicas aplicadas em link building são muitas, como cadastro em diretórios, tele listas, mapas, comentários em blogs... • Use sua criatividade, tente inserir seus links em blogs do mesmo nicho, faça um planejamento para isso e verifique se seu link está sendo acessado.
  13. 13. Usabilidade e Acessibilidade • Ajude quem quer lhe ajudar! • O fluxo de acessos em seu site é uma fonte de rankeamento, faça de tudo para que seu site tenha uma boa usabilidade. • Acessibilidade dentro do seu site também é um tópico importante, verifique se seu site é compatível com todos browser’s e sistemas operacionais. Muito cuidado com links quebrados, principalmente se estes forem anexados aos buscadores.
  14. 14. URLs Amigáveis • Os motores de busca dão relevância aos conteúdos das urls, logo, estas urls devem ser amigáveis aos mesmos. • Use palavras chaves de alta relevância a página. • Cuidado com a prioridade da ordem das palavras. Por exemplo, www.meusite.com.br/categoria-marca-produto . • Devem ser curtas e estáticas. • URLs Amigáveis são mais fáceis de memorizar.
  15. 15. Tags Heading • Como Usar – A tag <h1> deve um resumo do que o usuário vai encontrar no texto; – A tag <h2> deve abordar um conteúdo sub-sequente do conteúdo da página; – As demais tags obedecem a mesma filosofia. – É importante fixar que cada página deve conter um, e apenas um <h1> e também temos que lembrar que o Webmaster não pode de maneira alguma quebrar a hierarquia de “heading tags”, ou seja, depois de um <h1> implementa-se um <h2> e assim por diante, como no exemplo abaixo:
  16. 16. Tags Heading • Exemplo prático Suponha que você deseja fazer um site de vendas de carros chamado de carros.com. <H1>A maior lista de carros novos, semi-novos e usados da internet </H1> • Observe no exemplo de H1 acima que foram utilizados algumas possíveis keywords do site e o texto está escrito de forma que o usuário consiga entender. <H2>Venda de Carros da Marca FIAT</H2> • Já no texto do H2 temos algo mais especifico, ou seja é uma subseção do H1, e novamente colocamos algumas keywords do site no H2, isso ajuda e muito os motores de busca e o usuário a acharem o que eles precisam no site. <H3> Venda de Carros Fiat Punto </H3> • Assim como no H2, o H3 tem que ser um complemento do H# superior. E essa regra deve ser seguida até a tag H6.
  17. 17. Tags HTML5 • USE!!! Ajude o Google a decifrar seu código! • Algumas Tags importantes do HTM5: <address> Especifica um endereço relacionado com o autor do documento atual, ou seção do documento. <article> Especifica um artigo. <figure> Especifica ilustrações, imagens, fotos, associado juntamente com alguma legenda <footer> Especifica um rodapé para a seção de uma página <header> Especifica um cabeçalho para uma seção de uma página <nav> Especifica uma lista de links para navegação <section> Especifica uma seção dentro de um artigo
  18. 18. Estrutura com HTML5
  19. 19. Black Hat • Contra-indicações: – Uso de texto com fonte branca em fundo branco – Inclusão de texto atrás de imagens – Uso de CSS para ocultar texto – Configuração do tamanho da fonte para 0 (zero) *Esconder um pequeno trecho (como: mostrar telefone - ai você clica e o fone aparece), para mostrá-lo quando for conveniente, não será considerado Black Hat. Mas se exagerar, será.
  20. 20. Black Hat CSS HTML Design • Black Hat também é otimização! • Veja o exemplo abaixo:
  21. 21. Banido do Google? E agora? • Verifique se seu domínio foi banido. • Peça reconsideração ao Google pelo o Webmasters (verifique se não há técnicas de Black Hat empregadas)
  22. 22. Google Analytics A melhor forma de verificar se a prática de SEO está funcionando é testando, use o Analytics do Google!
  23. 23. Google Panda • Updates realizado no algoritmo de busca do Google. • O Google panda pretende realmente punir sites e blogs que copiarem conteúdo alheio pela internet a fora rebaixando posições ou até mesmo excluindo resultados que retornem conteúdo irrelevante ao usuário que efetuar uma busca sobre determinado assunto.
  24. 24. Google Panda Ele é real, não o menospreze!
  25. 25. Obrigado! www.evandrojunior.com @evandrojunior evandrojunior21@gmail.com

×