Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

0

Share

Download to read offline

Boletim o PAE setembro 2017

Download to read offline

Boletim informativo do Posto de Assistência Espirita

Related Audiobooks

Free with a 30 day trial from Scribd

See all
  • Be the first to like this

Boletim o PAE setembro 2017

  1. 1. 1 É sentir a necessidade íntima de partilhar, é querer ir mais além, é perceber que a alegria de dar é indiscutivelmente superior à de re- ceber; é estender a mão ao próximo sem olhar sua raça, condição, gêne- ro, conta bancária. A internalização do sentimento solidário torna-nos efetivamente pessoas melhores. A solidarização é o sentimento de identificação com os problemas de outrem, o que leva as pessoas a se ajudarem mutuamen- te. É uma maneira de assistência moral e espi- ritual que se concede a alguém, seja por simpa- tia, piedade ou senso de justiça. No sentido de laço de união fraternal que une as pessoas, pelo fato de serem semelhantes, cha- mamos de solidariedade humana. É compromisso pelo qual nos senti- mos em obrigação umas em relação às outras, ou seja, é a interdepen- dência e a reciprocidade. Infelizmente, vivemos num ambiente social de quimeras des- prezíveis, sonhos frustrados, men- tes cansadas, numa sociedade de manchas morais, “mentes vazias” e atoladas nas futilidades hodiernas, isoladas no cipoal do ego enregela- do. Vivemos completamente mergu- lhados na vida egocêntrica, que nos remete irreversivelmente à solidão. Os males que afligem a hu- manidade são resultantes exclusi- vamente do egoísmo (ausência de solidariedade). A eter- na preocupação com o próprio bem-estar é a grande fonte geradora de desatinos e paixões desajustantes. A máxi- ma “Fora da Caridade não há Salvação” é a bandeira da Doutrina Espírita na luta contra o egoísmo. Os preceitos espíritas contribuem para o progresso social, deteriora o materialismo, faz com que os ho- mens compreendam onde está seu verdadeiro interesse. O Espiritismo destrói os preconceitos de seitas, castas e raças, ensina aos homens a grande solidariedade que deve uni -los como irmãos. A recomendação do Cristo que Informativo Mensal do Posto de Assistência Espírita - Ano III, Número 26 - Setembro/2017. Solidariedade humanaEditorial / Jorge Hessen
  2. 2. 2 Livro: O Consolador / Chico Xavier / FEB Perguntas 79 e 349 79 – Como interpretar nosso parentesco com os animais? Considerando que eles igualmente possuem diante do tempo, um porvir de fecundas realizações, através de numerosas experi- ências chegarão, um dia, ao chamado reino hominal, como, por nossa vez, alcançaremos, no escoar dos milênios, a situação de angelitude. A escala do progresso é sublime e infinita. No quadro exíguo dos vossos conhecimentos, busquemos uma figura que nos convoque ao sentimento de solidariedade e de amor que deve imperar em todos os departamentos da natureza visível e invisível. O mineral é atração. O vegetal é sensação. O animal é instinto. O homem é razão. O anjo é divindade. Busquemos reco- nhecer a infinidade de laços que nos unem nos valores gradativos da evolução e ergamos em nosso íntimo o santuário eterno da fraternidade universal. 349 –Fraternidade e igualdade podem, na Terra, merecer um só conceito? Já observamos que o conceito igualitário absoluto é impossível no mundo, dada a heterogeneidade das tendências, sentimentos e posições evolutivas no círculo da individualidade. A fraternida- de, porém, é a lei da assistência mútua e da solidariedade co- mum, sem a qual todo progresso, no planeta, seria praticamente impossível. Refletindo com Emmanuel vos ameis uns aos outros como eu vos amei assegura-nos o regime da verdadeira solidariedade e garante a confiança e o entendimento recí- proco entre os homens. A solidarie- dade na vida social é como o ar para o avião. É imprescindível darmo-nos, através do suor da colaboração e do esforço espontâneo na solidarieda- de, para atender, substancialmente, as nossas obrigações primárias, à frente do Cristo. Ante as responsabilidades re- sultantes da consciência doutrinária, que nos impõe a superar a temática da vulgaridade e imediatismo ante o comportamento humano, em larga maioria, a máxima da solidariedade apresenta-se como roteiro abenço- ado de uma ação espírita conscien- te, capaz de esclarecer e edificar os corações, com a força irresistível do exemplo.
  3. 3. 3 ............ Espaço da Codificação ............ - A Gênese - Caratér da Revelação Espírita, cap.1, item 56. (...) O que o ensino dos Espíritos acrescenta à moral do Cristo é o conhecimento dos princípios que regem as relações entre os mortos e os vivos, princípios que completam as noções vagas que se tinham da alma, de seu passado e de seu futuro, dando por sanção à doutrina cristã as próprias leis da Natu- reza. Com o auxílio das novas luzes que o Espiritismo e os Espíritos espargem, o homem se reconhece solidário com todos os seres e compreende essa solidariedade; a caridade e a fraternidade se tornam uma necessidade social; ele faz por convicção o que fazia unicamente por dever, e o faz melhor. (Grifamos) Somente quando praticarem a moral do Cristo, poderão os homens dizer que não mais precisam de moralistas encarnados ou desencarna- dos. Mas, também, Deus, então, não mais lhos enviará. Elitização - Rápidas Considerações (por Fabiano Augusto) Somos herdeiros de vícios e preconceitos seculares que, por estarem es- tratificados no espírito, transferem-se com facilidade para os atos da presente vida. Os impulsos do autoritarismo, da idolatria, dos ritos, do fanatismo, do luxo, da paramentação, do elitismo brotam naturalmente em nossas personalidades. No livro “Palavras do Infinito”, Emmanuel, no cap. 41, orienta: “As massas trabalhadoras do Brasil reclamam leis que assegurem o conforto que lhes têm sido negado pelos elementos da política administrativa. Que o supérfluo das suntuosidades do Estado seja empregado com o necessário”. Isto nos faz me- ditar na obrigação de simplificarmos as casas e as práticas espíritas, porque se a espiritualidade condena “o supérfluo das suntuosidades” nas ações mun- danas, o que dizer desse comportamento em nossos centros que pretendem ser de amor e fraternidade, que se dispõem a acolher os “pequeninos” e aflitos lembrados por Jesus? Outra ameaça: eventos espíritas organizados para determinadas catego- rias profissionais (médicos, juízes, psicólogos etc) que acabam por restringir o acesso daqueles que não possuem formação específica e, eventos pagos que proibem a entrada dos menos favorecidos materialmente. Agindo assim, não estaremos perdendo a noção de ética proposta pelo Cristianismo? Jesus jamais segregou! Atendeu crianças, velhos, mulheres, sa- maritanos, prostitutas etc, deu espaço e atenção carinhosa a todos, indepen- dentemente da cultura, raça ou condição socioeconômica. Reflitamos!
  4. 4. 4 Conselho Diretor - Presidente: Wilson Barbosa / Vice-Presidente: Jorge Hessen Secretária: Diomarsi Souza / 2.º Secretário: Josias da Silva Tesoureiro: João Batista Conselho Fiscal - José Amin, Francisco Soares e Marcos Marques Editores - Jorge Hessen e Fabiano Augusto Site - http://opaespirita.wixsite.com/opae Blog - http://paespirita.blogspot.com.br/ QNM 40 AE N.° 2, Taguatinga Norte/DF - Fone: (61) 3491-2552 Expediente Sábados - 18 horas Dia 2 - Jorge Hessen (PAE) Dia 9 - Oswaldo Bastos (Comunhão) Dia 16 - Gilberto Amorim (CENOL) Dia 23 - Fabiano Augusto (CEFE) Dia 30 - Walid el Kouri (CECF) Quartas-feiras - 20 horas Dia 6 - Valdivino Alves (PAE) Dia 13 - Cirne Ferreira (FEB) Dia 20 - Maria Omilta (PAE) Dia 27 - Jorge Hessen (PAE) Quadro de Reuniões Públicas e Expositores do Mês de Setembro .... Mural do DIJ/PAE .... O mundo clama por paz. O mundo está carente de amor cristão. Há hoje na sociedade uma inversão de valores morais. A boa semente está em nossas mãos, resta lançá-la. A evangelização é o caminho. Estudar o Evangelho com nossas crianças e jovens à Luz de Kardec faz parte da nossa proposta. Traga seu filho, sobrinho, parente, amigo... Semeie, adube, regue, faça a sua parte, ajude a cultivar aqueles que serão os bons frutos do futuro. Turmas para idades de 3 a 21 anos. Nossa evangelização funciona aos sábados das 18h às 19h. Informamos que no dia 17 de setembro, faremos um pique- nique no Parque da Cidade. Este evento fará parte do nosso calendário de atividades de confraternização com evangelizandos/famílias/evangelizadores.

Boletim informativo do Posto de Assistência Espirita

Views

Total views

500

On Slideshare

0

From embeds

0

Number of embeds

268

Actions

Downloads

0

Shares

0

Comments

0

Likes

0

×