Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Pensar queer

588 views

Published on

  • Login to see the comments

  • Be the first to like this

Pensar queer

  1. 1. Pensar QUEER: Sexualidade, cultura e educação Cap.6 - Escolhendo alternativas ao Well of LonelinessAna Silva 64959Ana Pinheiro 60276Mariana Ferreira 64960Sofia Vilaça 64990Teresa Meireles 63829
  2. 2. QueerPalavra que provém do inglês;Actualmente, o seu significadotem a ver com homossexuais,bissexuais e transgêneros;Também pode querersignificar estranho ouesquisito;Queer passou a denominarA palavraum grupo de pessoas dispostas aromper com a ordem heterossexualcompulsória estabelecida na
  3. 3. De que nos fala este capítulo? Maior parte dos homossexuaisidentificam-se com as narrativas ecom os filmes queer e “Para muitos,a primeira vez que se vê um filme ouum livro queer marca um ponto de “entrada” para oviragem nas suas histórias de vida.” Livros e filmes mundo queer
  4. 4. Os jovens atualmente, sãoconstantemente bombardeados porimagens e representações heterossexuaisatravés dos media.sempre mostrar aos A sociedade tenta indivíduos uma imagem infeliz dos homossexuais. Esta, tenta sempre marcar negativamente as suas vidas mostrando que os homossexuais acabam sempre infelizes. um jovem E livros e filmes, quando experimenta uma relação com uma pessoa do mesmo sexo, ouve se logo «sons da música ominosa», como se anunciasse às pessoas uma morte.
  5. 5.  Estudo de Cart (1997) «O estudo de Cart (1997) deste subgénero da literatura adolescente resume a tendência perturbadora de jovens personagens homossexuais serem punidos com violência e até mesmo a morte.» Os romances para jovens adultos, no final da história deixam os protagonistas homossexuais sós e isolados. E, normalmente, neste tipo de
  6. 6.  Estudo de Fouss (1994) «Fouss (1994) afirma que a contenção da homossexualidade como um comportamento sexual isolado mantém a noção de que pode ser manobrado, policiado e, eventualmente revertido». Fouss examinou treze textos. Estes falam-nos da história sexual de vinte e uma personagens «“sexualmente suspeitas”» e no fim, após ter sido questionada a sua homossexualidade ou se terem envolvido em
  7. 7. Alguns escritores e editores,atualmente, estão a abandonar asantigas regras relativamente aoshomossexuais na ficção e estão a criarpersonagens homossexuais e históriasqueer interessantes e admiráveis. The Blue Coyote (1997) – História de Tito e Alex “Hello” I Lied (1997) Coffee will Make You Black (1994) – História de Stevie
  8. 8. «Alex, Tito, Lang e Stevie são um exemplo de boas escolhas disponíveis para jovens leitores, porque os seus personagens sãorealistas, refletem a diversidade da nossa cultura e porque lhes é permitido serem sexuais e românticos».

×