Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Testador tipo t

1,388 views

Published on

Você sabe o que é Perfil Tipo T ? Por que no mercado atual os testadores precisam ter esse perfil ? Essa palestra vai mostrar a importância cada vez maior que os testadores estão tendo para o sucesso nos projetos de software. Veremos os tipos de testes que o mercado exige e a razão que devemos nos adaptar para realiza-los da melhor forma possível. Conhecer bem os requisitos é importante para meu trabalho ? Preciso entender de ferramentas de automatização ? Preciso saber programar e também entenderdo negócio ? Vamos ter uma palestra colaborativa onde tentaremos juntos responder todas essas perguntas e desvendar o que esse perfil T tão buscado pelo mercado e que vantagens tem em termos esse tipo de profissional na empresa

Published in: Technology

Testador tipo t

  1. 1. Testador Tipo T: Mul0disciplinaridade Para Melhores Resultados! Ari Do Amaral
  2. 2. Quem sou eu ?
  3. 3. Sobre mim… Ari do Amaral Torres Filho, Me
  4. 4. Quem são Vocês? • Testador? • Designer? • Desenvolvedor? • Analista de negócios? • Product Owner? • Scrum Master? • Gerente? • Analista de requisitos?
  5. 5. Quem aqui acha que é importante aprender um pouco das a0vidades de cada papel desse? 5
  6. 6. Por que Você está Aqui ? 6
  7. 7. Problemas nas Empresas • Comunicação • Cronograma • Requisitos • Planejamento
  8. 8. Problemas na área de Testes • O que deve ser testado • Comunicação
  9. 9. O que é Sucesso ? 9
  10. 10. Como A0ngir O Sucesso? 10
  11. 11. O Que é esse Tipo T?
  12. 12. Mul0disciplinaridade 12
  13. 13. Quantas Especialidades Devemos Ter?
  14. 14. Quantas Generalidades Devemos Ter?
  15. 15. Quais Áreas Escolher Para se Especializar?
  16. 16. Mul0tarefa • Realizar mais de uma tarefa ao mesmo tempo gera medo, adrenalina , ansiedade. 16
  17. 17. Programação em Par
  18. 18. Como Promover a Mul0disciplinaridade?
  19. 19. Auto Organização! • É boa ou ruim ? 19
  20. 20. O Ambiente 20
  21. 21. Promova um Ambiente Cria0vo 21
  22. 22. Meta Alinhada
  23. 23. • Ambiente Baseado em Cultura de Aprendizado. • Ensinar a aprender é aprender a ensinar! 23
  24. 24. Testes Ágeis
  25. 25. Vantagens dos Testes Ágeis • Não há mais teste manual de scripts!: Scripts são executados automa0camente, disponibilizando mais tempo para o testador executar testes exploratórios. • Desenvolvedores realmente gostam de mim!: Localizar problemas antes do final da iteração e enquanto o código está fresco na mente dos desenvolvedores, facilita o trabalho dos mesmos. • Agora eu posso verificar os recursos antes deles serem escritos! (ambos Kay e Philip) – O testador pode evitar problemas ao iniciar o teste, antes que os recursos sejam definidos.
  26. 26. • Os resultados do teste automa;zado podem ser visto muitas vezes ao dia – Fornecendo um feedback rápido após qualquer alteração. • A atmosfera é fortemente orientada a equipe (John Overbaugh) – Cada membro da equipe se preocupa em terminar os testes e não somente o código (Lisa Crispin). • O testador pode ocasionalmente ajustar o defeito (Lista Crispin) – Cada membro da equipe sente-­‐se mais confortável já que o teste é automa0zado.
  27. 27. • Fornece a oportunidade para revisar constantemente as prá;cas de teste (Adam Knight) – Ao invés de simplesmente repe0r o que foi feito anteriormente, as prá0cas são constantemente revistas. No caso de Adam os testes que costumavam levar 5 dias para serem executados manualmente foram reduzidos agora para 30 minutos. • Eu gasto muito, muito menos tempo debugando (Adrian Howard) – Eu tenho o feedback quase ao mesmo tempo em que come0 um erro, por isso, geralmente é trivial localizar e corrigir.
  28. 28. • Há chance de realmente impactar na qualidade ao invés de somente documentá-­‐la! (Jonh Overbaugh) – Quando os defeitos são corrigidos imediatamente ao invés de colocar numa pilha de defeitos. • Sempre existe tempo para testar, porque o teste é feito primeiro-­‐ Josue Barbosa dos Santos contou a história de trabalhar num escritório do governo no Brasil onde a prá0ca era testar no final do projeto. O desenvolvimento estava sempre atrasado no cronograma do projeto, a0ngindo o prazo limite e sendo liberado para os usuários sem teste. Com a introdução das técnicas de TDD e ATDD pelo menos algum teste era executado enquanto o so0ware era desenvolvido.
  29. 29. Testador e Negócios/ Requisitos • Testador conhecendo do negócio e requisitos desde o inicio para garan0r a o aceite e direção da funcionalidade a ser desenvolvida.
  30. 30. Testador e Processos • Testador seguindo e entendendo a melhor maneira de trabalhar em equipe alinhada a meta da organização e tendo métricas de resultados no seu trabalho
  31. 31. Testador e Gestão • Testador trabalhalhando a auto gestão e contribuindo de forma colabora0va com o trabalho de todos. Ajudando a gerir o seu trabalho e de todo o 0me.
  32. 32. Testador e Desenvolvimento • Testador escrevendo testes unitários, fazendo ATDD e ajudando o 0me automa0zar o máximo tarefas possíveis.
  33. 33. O que é Ser Ágil ? • Transparência, Inspeção e Adaptação 35
  34. 34. Não tem como ser Ágil sem mudança de Cultura 36
  35. 35. Adoção é Diferente de transformação • Adoção -­‐ Feita em cima de processos. • Transformação -­‐ Feita em cima dos valores e princípios ! 37
  36. 36. Mudanças • Você não pode mudar as pessoas . • Você deve ser a mudança que deve ver nelas. Gandhi " " 38
  37. 37. Adoção de perfis T • Empresa X – Times formado por 4 perfis T • Pareamento – Manhã – Teste/Front End – Tarde – Back-­‐end/ Banco – Manhã : • Par 1 – BDD para garan0r o comportamento desejado. • Par 2 – Modelo de negócio e mock da camada de Front que os consome
  38. 38. • Os Dados falsos no banco. Os Mocks vão recuperar esses dados. • Tarde : – Troca pares : • Front end/ Back end -­‐-­‐ Tirar os Mocks e fechar o código • Banco/ Teste – Manusear banco e colocar testes de integração(bdunit) para garan0r que o banco não quebre.
  39. 39. Resutados • Diminuí as dependências e o tempo parado. • Aumenta o Foco. • Transfere conhecimento. • Promove a mul0disciplinaridade. • Reduz os riscos.
  40. 40. Vou conseguir? • Você não vai conseguir agir no ambiente se não 0ver fazendo a coisa certa. 42 • E para Isso você não vai poder estar :
  41. 41. • Disperso 43 • .
  42. 42. • Distraído 44
  43. 43. Alta taxa de feedback. 45 Para Ambientes complexos feedback é o melhor remédio!
  44. 44. E Se Faltar Feedback? • A Ausência de um feedback Apropriado e no tempo certo é a maior crueldade que podemos infligir a um ser humano. Charles Coonradt ( Consultor de empresas ) . " " 46
  45. 45. Não Corte o Feedback! • Quando o feedback exterior é cortado a mente fabrica seus próprios feedbacks em forma de alucinações que em geral personificam os piores medos das pessoas. Os pesadelos resultantes podem levar qualquer pessoa a loucura. 47
  46. 46. Vontade 48
  47. 47. Visão 49
  48. 48. Planejamento 50
  49. 49. Disciplina 51
  50. 50. Determinação 52
  51. 51. Coerência 53
  52. 52. Confiança 54
  53. 53. Tudo muda o tempo inteiro! Precisamos acompanhar as mudanças! 55
  54. 54. Precisamos de mais Jardineiros de Pessoas! 56
  55. 55. Pessoas Energizando umas as outras ! 57
  56. 56. Energizados? 58
  57. 57. 59
  58. 58. 60
  59. 59. As Vantagens do Tipo T • Independência • Colaboração • Responder às mudanças • Transferência de conhecimento. • Mo0vação intrínseca. • Redução de riscos.
  60. 60. Eu e Somente Eu posso mudar minha vida! 62
  61. 61. Aprenda Sempre! 63
  62. 62. 64
  63. 63. 65
  64. 64. PERFIL T 66
  65. 65. Valeu Negada! 67
  66. 66. Perguntas ? 68 ariamaral@gotoagile.com.br facebook.com/gotoagile @ariamaral hups://www.linkedin.com/profile/view? id=26598026&trk=spm_pic

×