Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Abordagem Humanista na Educação

38,614 views

Published on

Seminário apresentado para a disciplina Teorias Pedagógicas Aplicadas à Educação Especial.

Published in: Education
  • Login to see the comments

Abordagem Humanista na Educação

  1. 1. UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS DEPARTAMENTO DE PSICOLOGIA LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO ESPECIAL Disciplina: Teorias Pedagógicas Aplicadas à Educação Especial Docente: Prof. Dra. Rosimeire Maria Orlando
  2. 2. ANTECEDENTES HISTÓRICOS:  No sentido amplo da palavra, humanismo significa valorizar o ser humano e sua condição acima de tudo.  Está relacionado a generosidade e tem a ânsia de estimar os preceitos humanos  O humanismo foi um movimento que teve inicio no século XIV, ele tinha como enfoque o homem como o centro do interesse.  Com esse movimento, a igreja que tinha forte poder de influencia e que ditava rumo das coisas baseado no teocentrismo (Deus como centro de tudo), deu lugar ao antropocentrismo (homem com centro de tudo).  O humanismo marcou a transição da Idade Média para a Idade Moderna com a arte, filosofia, ciência, literatura e psicologia.  A psicologia Humanista surgiu na década de 60 nos Estados Unidos, no qual já estava acontecendo vários movimentos e revoluções de pensamentos e ideais.  Surgiu para substituir a escola tradicional, a psicanálise e o comportamentalismo.
  3. 3.  O aluno é visto como o sujeito do processo de aprendizagem.  O sujeito se autoconhece e o professor é um guia para auxilia-lo.  Os princípios fundamentais estão refletidos na aprendizagem contínua.  Totalmente focada na oposição da pedagogia tradicional.  Metodologia diferenciada e ao mesmo tempo conservadora.  Politica pedagógica que defende a ideologia das classes sociais
  4. 4. TÓPICOS DO TRABALHO:  Método de Paulo Freire  Rogers  Escola de Summerhill  Neill  Abraham Maslow  Homem  Mundo  Sociedade-cultura  Conhecimento  Educação  Escola  Ensino-aprendizagem  Professor-aluno  Metodologia  Avaliação
  5. 5. Paulo Freire, humanista, defende uma nova concepção do saber, a chamada epistemologia, que tem como enfoque ir além do modelo tradicional, focando em uma nova abordagem que vise o conhecimento no processo ensino-aprendizagem, o que por sua vez tira do ponto de vista educacional a pedagogia do oprimido.
  6. 6.  Rogers deixa claro sua inquietação devido a metodologia das escolas tradicionais e suas regras impostas, na qual o aluno é um ser passivo diante da aprendizagem. A teoria é considerada irrealizável e utópica por alguns críticos, todavia é também vista como revolucionária e instigadora. É necessário que tenha uma alteração no campo educacional para que a teoria seja colocada em prática, e que o aluno e suas emoções, sentimentos e interesse seja respeitado e priorizado.
  7. 7.  Summerhill foi a primeira escola democrática do mundo, criada por Neill, que trouxe um novo olhar pedagógico para a educação, atendendo crianças para o ensino fundamental e médio de vários lugares.  As crianças moram na escola, em liberdade, mas obedecendo as leis do país e quando estas forem rompidas, eles respondem por seus atos. Os alunos não são obrigados a assistirem às aulas, eles tem o poder de escolher as disciplinas que querem e quando querem ter, tendo total liberdade de decidir o que aprender.
  8. 8.  Neill acreditava que o ser humano é curioso por natureza e em busca do conhecimento para saciar essa curiosidade ele procura as respostas de suas dúvidas corriqueiras, e a partir disso aprendem através das suas experiências. Era totalmente contrario às ideias de ensino sob pressão.  Ele tinha a concepção de que a criança é livre assim como seu intelecto, suas emoções e seu artístico.
  9. 9.  Maslow era considerado o pai do movimento humanista, ele pensava que para uma pessoa se tornar capaz de realizar suas capacidades e habilidades era necessário a tendência individual, sendo assim o grau mais elevado da existência humana, ele teve um papel fundamental na psicologia humanista, sendo um dos principais teóricos.
  10. 10.  Concepção de homem: • O homem nesse contexto é visto como um projeto constante e inacabado. O homem é visto como alguém situado no mundo que está sempre em processo contínuo de mudança, de descoberta do próprio ser.  Concepção de Mundo: • A definição de mundo na concepção humanista é relativa, diz que cada sujeito vê o mundo de determinada forma, com base em suas próprias experiências.
  11. 11.  Sociedade-cultura • Aqui, diz que a única autoridade responsável dos sujeitos é de instalar a qualidade de um relacionamento interpessoal.  Conhecimento • A própria experiência subjetiva é o fundamento sob o qual o conhecimento é constituído. O homem obtém conhecimento quando experimenta, ele busca seu próprio saber.
  12. 12.  Educação • A educação tem como enfoque a construção de ideias e condições que promovem a aprendizagem do aluno, fazendo com que este libere sua capacidade de ensino-aprendizagem. Dessa maneira será possível seu desenvolvimento intelectual e emocional. • Crescimento pessoal ou interpessoal é educação, e tem como objetivo um processo de aprendizagem que envolva experiências e conhecimentos do próprio aluno.
  13. 13.  Escola e Ensino- Aprendizagem • Esta deve oferecer condições para que a criança se desenvolva, para que tenha sua autonomia, sempre respeitando-a. Tendo um princípio básico de não pressionar e não intervir no crescimento do aluno. O ensino-aprendizagem busca sempre utilizar procedimentos para que o aluno administrar seu próprio conhecimento.
  14. 14.  Professor-Aluno  O professor é o responsável por facilitar a aprendizagem do aluno, ele não transmite os conhecimentos, uma vez que os próprios alunos aprendem a partir de suas experiências e conhecimentos. O educador ajuda os educandos nos processos de transformações.  Para que essa ação funcione, e que ele seja um bom orientador é necessário que desenvolva qualificações fundamentais que ocasiona quando o professor deixa de lado seus pré-conceitos e passa a entender as necessidades do aluno, qualificações que podemos definir como: autencidade, aceitação a empatia e compreensão, conceitos que geram uma aprendizagem mais significativa.
  15. 15.  Metodologia e Avaliação • Na metodologia a importância é secundaria, que independente de qual seja o método que o professor usa para ensinar um determinado contexto, o aluno aprendera porque aquilo lhe é interessante. Um exemplo usado no texto é que, quando você quer aprender a dividir independente do método usado pelo professor para te ensinar, você irá aprender porque você quer aprender, esta foi uma escolha feita pelo próprio indivíduo. • Esta abordagem defende a auto-avaliação, pois o fato de que só o indivíduo pode conhecer realmente a sua experiência, esta só pode ser julgada a partir de critérios internos do organismo; critérios externos ao organismo podem propiciar o seu desajustamento.
  16. 16.  A abordagem humanista na educação traz novos aspectos para a pedagogia e para a educação. Foi a partir dessa abordagem que a educação começou a ser vista com outros olhos, de uma maneira menos rígida, punitiva, com foco na aprendizagem do aluno e em seus saberes. A pedagogia humanista torna possível que haja uma harmonia no ambiente escolar, entre professores e alunos. E que também faz os estudantes trazerem seus conhecimentos e curiosidades para dentro da sala de aula, sem que tenham medo de fazer perguntas, ou expor seus conhecimentos.
  17. 17.  A respeito da educação especial, a escola inclusiva por exemplo é um desafio, uma vez que os sistemas não fazem nada ou fazem muito pouco. Para se ter a inclusão é preciso ter modificações profundas, que pedem ousadia, prudência, uma política efetiva que ofereça às crianças com deficiência educação de qualidade, para que assim seja uma escola democrática e única. (BUENO, 2001, p.27).  Para isso é necessário que haja novas estruturas das políticas e práticas que são vivenciadas nas escolas, de uma forma que esteja aberta às diversidades dos alunos. Tendo essa abordagem humanista e democrática, olhando o indivíduo e suas singularidades, com o objetivo de crescimento e inserção social de todos.
  18. 18.  Mizukami, M. d. (1986). Ensino: as abordagens do processo. São Paulo: EPU.  ROGERS, C. R. (2001). Torna-se Pessoa. São Paulo: Martins Fontes.  Soares, G. d. (02 de 2013). Fonte: Portfólio - Psicologia da Educação: http://psicologiadaeducacao-portfolio.blogspot.com.br/2013/03/a aprendizagem-na- perspectiva-humanista.html  (Junho, 2009). Fonte: Psicologia Humanista: http://psiquehumanista.blogspot.com.br
  19. 19. https://www.youtube.com/watch?v=wrwlL0QxWig
  20. 20.  Analisar a frase abaixo e com base no seminário apresentado, explica-la em no mínimo 5 linhas.  O que mais chamou atenção da abordagem apresentada?

×