Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

3

Share

Download to read offline

Cultura erudita e cultura popular reformulado

Download to read offline

Cultura erudita e cultura popular.

Related Books

Free with a 30 day trial from Scribd

See all

Cultura erudita e cultura popular reformulado

  1. 1. CULTURA ERUDITA E CULTURA POPULAR
  2. 2. 1. Popular e erudito: “inferior” e “superior” o Pensadores iluministas pretendiam compreender e desmistificar a temerosa cultura popular. o Sonhavam com a nação unida, identificada e comprometida com o Estado liberal – burguês. o Elementos da cultura popular foram assimilados e transformados para parecerem inofensivos. o Valorizava – se a vida urbana, depreciava – se a vida rural.
  3. 3. Folclore e Cultura Popular: o Folclore, sinônimo de cultura espontânea e popular. o Tradições que permanecem e perpetuam – se. o Estereótipo de rural, primitivo, simples, inferior. o A cultura camponesa passa a ser “bárbara. o Serviu de contraponto para valorizar a vida urbana e industrial, considerada civilizada.
  4. 4. 2. Cultura Popular: o Ligada à espontaneidade, ao simplismo e ao informalismo. o De domínio das classes mais pobres e informalmente passada de geração a geração. o Está ligada ao Folclore, de tradição oral, de domínio público. o Exemplos: linguagem, culinária, artesanato.
  5. 5. 3. Cultura Erudita: o Comum às classes mais altas. o Relacionada ao refinamento, à polidez, à ilustração, intelectualismo. o Produzida para ser consumida pelas elites. o O acesso às classes pobres é mais difícil. o Exemplos: balé, artes plásticas, óperas.
  6. 6. Eurocentrismo e dominação: o Pensadores europeus do séc. XIX consideravam a civilização como o estágio máximo da sociedade. o A Antropologia surgiu para estudar e comprovar o grau de “inferioridade” dos “bárbaros” dominados. o Sociedades agrárias/caçadoras/coletoras eram consideradas inferiores. o A missão civilizadora europeia seria a de levar o progresso e a civilização aos povos inferiores.
  7. 7. Etnocentrismo: o Princípio antropológico que utiliza uma cultura como referência – padrão, depreciando e discriminando culturas consideradas inferiores. o O poder econômico e a superioridade tecnológica das nações europeias serviram de bases para a propagação do etnocentrismo em relação aos povos africanos e asiáticos.
  8. 8. Método Comparativo: o O método comparativo, classificava as sociedades não adeptas da cultura europeia como “exóticas”, “atrasadas”, “involuídas” e “arcaicas”, com uma formação social primitiva, de uma religiosidade mítica e irracional e uma estrutura de parentesco que possibilitava as relações incestuosas. o Essas são as características centrais do método comparativo: o progressivismo evolucionista, o etnocentrismo metodológico, a preferência pelo estudo das estruturas de parentesco e dos mitos e rituais religiosos mágicos. O método comparativo julgava as culturas primitivas como modelos sociais presos à antiguidade histórica.
  9. 9. Relativismo cultural: o Vários críticos questionaram o etnocentrismo. o As nações “civilizadas” desrespeitavam as culturas sem conhece – las profundamente. Relativismo e Estruturalismo: o Cada cultura tem suas estruturas, especificidades e dinâmica próprias. o Necessário conhecer o funcionamento de cada cultura.
  10. 10. Relativismo – conceito sociológico Funcionalismo e trabalho de campo: o Franz Boas defendia que a Antropologia estava interessada nas diferenças históricas. o As diferenças entre os grupos e sociedades humanas eram culturais, e não biológicas. o Entender uma cultura exigia estudar as especificidades (economia, sociedade, poder, religião, linguagem, ritos), compreendendo seu funcionamento e sua totalidade.
  11. 11. Conclusões: o As culturas são múltiplas e diversificadas, populares ou eruditas. o As sociedades industriais extinguiram ou transformaram as culturas primitivas. o A globalização e a indústria cultural misturou o popular e o erudito, mercantilizando a cultura.
  • CristinaFonseca54

    Mar. 16, 2020
  • MilenaGonalves20

    Sep. 12, 2018
  • StephanieFreire

    Aug. 9, 2017

Cultura erudita e cultura popular.

Views

Total views

5,472

On Slideshare

0

From embeds

0

Number of embeds

69

Actions

Downloads

108

Shares

0

Comments

0

Likes

3

×