Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Cine PE 2009

Como parte do CINE PE aconteceu hoje o Seminário Plataformas Digitais – Pesquisas e Conteúdos Tecnológicos para o Empreendedorismo Audiovisual, a apresentação que segue é uma adaptação da que eu fiz, com os comentários dentro dos slides.

  • Login to see the comments

Cine PE 2009

  1. 1. Plataformas Digitais Pesquisas e Conteúdos Tecnológicos para o Empreendedorismo Audiovisual h.d.mabuse [ CinePE | 2009 ]
  2. 2. A ideia da minha fala nesse seminário é tentar apresentar uma introdução teórica aos pontos que serão debatidos pelos outros participantes e sua relação com o que estamos desenvolvendo no C.E.S.A.R. Pesquisa O discurso das novas tecnologias do audiovisual pode ser baseado em evidências históricas que apontam para onde chegamos e podem nos ajudar nas decisões para os próximos passos. Dentre alguns princípios das Novas Mídias [1], três em especial nos interessam nessa discussão [1] Language of New Media, Lev Manovich, pág 49
  3. 3. 1. Da Representação Numérica Todos os artefatos produzidos nas novas medias de comunicação, sejam eles criados a partir de zero em computadores ou convertidas a partir de fontes analógicas, são compostos de código digital, ou seja representações numéricas. Isto tem duas conseqüências principais: a) O artefato pode ser descrito formalmente ( ou seja matematicamente), uma imagem ou uma forma pode ser descrita utilizando uma função matemática. b) Sendo assim esse artefato está sujeito a uma manipulação algorítmica. Por exemplo, através da aplicação adequada de algoritmos, podemos remover automaticamente o quot;ruídoquot; de uma fotografia, melhorar o seu contraste, localizar as bordas das formas, ou alterar as suas proporções. Em suma, torna-se mídia programável. 2. Da Modularidade Estes artefatos são formados de elementos montados em grandes pacotes (pixels, samples), mas mantem sua identidade distinta. Os artefatos podem ser eles próprios combinados em artefatos ainda maiores - de novo, sem perder sua independência. 3. Da Automação das Operações Operações que envolvem criação, manipulação e acesso às medias. É aqui que chegamos às últimas revoluções no uso dessas mídias, através de softwares de criação, edição e distribuição chegamos aos
  4. 4. Esses princípios provocaram mudanças em quatro esferas.
  5. 5. Facilidade de Produção A revolução causada pelos fatores citados anteriormente na produção caseira de vídeos, áudio, imagem. Aliado à queda no preço dos dispositivos de captura de video e imagem representam o baixo custo com resultado semi-profissional ou as vezes profissional. “A revolução não é a câmera de vídeo digital, mas a câmera de vídeo digital em 24 vezes sem juros!” - Roger de Renor
  6. 6. Facilidade de Produção Facilidade de Distribuição Com a internet os dados digitais são transmitidos em pacotes indiscriminadamente em relação ao seu conteúdo. Representam esse fato dos arquivo de cinema digital que são programados no sistema Kinocast desenvolvido pelo C.E.S.A.R para a Rain, até os arquivos de filmes trocados por torrent
  7. 7. Facilidade de Produção Facilidade de Novas Redes de Distribuição Consumo A facilidade de produção e distribuição de conteúdo levou á criação de novas redes com velhas práticas, nunca existiram tantos cineclubes como os que hoje virtualmente existes espalhados na rede.
  8. 8. Facilidade de Produção Facilidade de Novas Redes de Distribuição Consumo Em seu momento histórico essa combinação deu no YouTube (apenas para citar um exemplo)
  9. 9. Facilidade de Produção agora todos Facilidade de Novas Redes de correm para a Distribuição Consumo nova tecnologia do momento Novas Tecnologias Hollywood: 3D Cinema
  10. 10. Está claro para todos que o caminho do mercado de novas medias une todas essas esferas.
  11. 11. Facilidade de Produção Facilidade de Novas Redes de Distribuição Consumo Novas Tecnologias
  12. 12. A maior questão que fica não é respondida por tecnologias nem produção de conteúdo, mas sim...
  13. 13. Facilidade de Produção Facilidade de Novas Redes de Distribuição Consumo Novas Tecnologias Quais os novos modelos de negócio?
  14. 14. Obrigado. Pesquisa h.d.mabuse gerente de design mabuse@cesar.org.br http://twitter.com/hdmabuse

×