Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Spring Data Jpa

824 views

Published on

Palestra do JavaBahia sobre o Spring Data JPA

Published in: Software
  • Be the first to comment

Spring Data Jpa

  1. 1. SPRING DATA JPAAPRESENTADO POR IVAN QUEIROZ
  2. 2. QUEM? Bacharel em Sistemas de Informação Desenvolvedor Java Certificação SCJP 5 (OCJP) Empresa de Telecomunicações Blog blog.ivanqueiroz.com 2 Atualmente Área Jurídica
  3. 3. AGENDA Quando Usar Vantagens e desvantagens Encerrando Um longo caminho pela frente 05 06 Spring Framework Alta produtividade em aplicações Java Spring Data Simplificando o acesso aos dados Spring Data JPA Diminuindo o trabalho repetitivo Tópicos Avançados Auditoria, Specifications e QueryDSL 01 02 03 04 3
  4. 4. 4 SPRING FRAMEWORK Alta produtividade em aplicações
  5. 5. 5 O QUE É ? Framework open source em Java criado por Rod Johnson que utiliza os conceitos de inversão de controle (Inversion of Control - IoC) e injeção de dependência (Dependency Injection - DI) para simplificar o desenvolvimento de aplicações utilizando Plain Old Java Objects (POJOs) e interfaces. CONTAINER SPRING No núcleo do Spring está um container que injeta (DI) e gerencia o ciclo de vida das dependências (IoC). CONFIGURAÇÃO FLEXÍVEL O Spring permite que as configurações sejam por anotações, xml, convenção ou programaticamente. NÃO INTRUSIVO A construção do Spring foi realizada para que a lógica de domínio geralmente não tenha dependências do framework. VÁRIOS MÓDULOS DISPONÍVEIS Além de ser compatível com o JEE o Spring possui diversos módulos para suprir as mais diversas necessidades.
  6. 6. 6 COMO OBTER INFORMAÇÕES? No endereço spring.io/projects pode-se encontrar de forma organizada, todas as informaçoes necessárias para configurar e iniciar a construção de uma aplicação utilizando os módulos do Spring
  7. 7. 7 SPRING DATA Simplificando o acesso a dados
  8. 8. 8 SPRING DATA SPRING DATA MONGODB MongoRepository MongoTemplate SPRING DATA JPA JpaRepository SPRING DATA NEO4J GraphRepository Neo4jTemplate SPRING DATA ... Embedded REST JPA JDBC RDBMS Mongo Java Driver MongoDB Neo4J ... SIMPLIFICAR O projeto Spring Data tem como objetivo simplificar as operações de acesso a dados nas aplicações, diminuindo o código escrito e mantendo a integração com todo ambiente Spring já existente.
  9. 9. 9 MODELO DE PROGRAMAÇÃO DO SPRING DATA 02REPOSITORY Abstração principal do modelo Spring Data, gerencia a classe de domínio e define as operações de acesso aos dados. 03QUERY METHODS Métodos de consulta que possuem uma convenção de nome o qual o Spring Data fornece uma implementação em tempo de execução. 01INTERFACES A maior parte das implementações são realizadas pelo Spring Data, o desenvolvedor irá se ocupar mais com as definições de interfaces. 04TEMPLATES O Spring Data fornece vários templates (modelos) para cuidar da alocação de recursos e tradução de exceções.
  10. 10. 10 PRINCIPAIS INTERFACES public interface CrudRepository<T,ID extends Serializable> extends Repository { <S extends T> S save(S entity); T findOne(ID primaryKey); Iterable<T> findAll(); Long count(); void delete(T entity); boolean exists(ID primaryKey); } REPOSITORY Interface central da abstração do Spring Data. É uma interface de marcação para o spring poder obter os tipos que irá trabalhar e para ajudar o desenvolvedor a descobrir outras interfaces. public interface Repository<T,ID extends Serializable> {} CRUD REPOSITORY Interface que provê os métodos para as operações de Create Read Update e Delete (CRUD). Estende a interface Repository e assim como a interface pai ela recebe o tipo da entidade e o tipo do campo id da entidade.
  11. 11. 11 PRINCIPAIS INTERFACES PAGING AND SORTING REPOSITORY Extendendo a CrudRepository existe a PagingAndSortingRepository que adiciona métodos para efetuar facilmente as operações de paginação. public interface PagingAndSortingRepository<T,ID extends Serializable> extends CrudRepository<T, ID> { Iterable<T> findAll(Sort sort); Page<T> findAll(Pageable pageable); }
  12. 12. 12 SPRING DATA JPAJPA Diminuindo o trabalho repetitivo
  13. 13. 13 DAO SIMPLES Utilizando a abordagem tradicional do DAO. MODEL public class Pessoa { private String rg; private String nome; private int idade; private String estado; private String cidade; //Get e Sets } DAO public class DaoPessoa { private Connection con; private Statement comando; public List<Pessoa> buscarTodos() { List<Pessoa> resultados = new ArrayList<Pessoa>(); ResultSet rs; try { rs = comando.executeQuery("SELECT * FROM pessoa"); while (rs.next()) { Pessoa temp = new Pessoa(); temp.setRg(rs.getString("rg")); temp.setNome(rs.getString("nome")); temp.setIdade(rs.getInt("idade")); temp.setCidade(rs.getString("cidade")); temp.setEstado(rs.getString("estado")); resultados.add(temp); } return resultados; } ...
  14. 14. 14 REPOSITORY JPA Um DAO dentro do estilo de programação do Spring (repository). ENTITY @Entity public class Pessoa implements Serializable { private static final long serialVersionUID = 1 L; @Id private Long id; private String nome; @Temporal(TemporalType.DATE) @Column(name = "dataNasc") private Date dataNascimento; private String email; //Gets e Sets } REPOSITORY @Repository public class PessoaRepository { @PersistenceContext EntityManager em; public List <Pessoa> findAll() { TypedQuery <Pessoa> q = getEntityManger().createNamedQuery("SELECT p FROM pessoa p", Pessoa.class); return q.getResultList(); } }
  15. 15. 15 SPRING DATA JPA Ao criar uma interface que estende a interface JpaRepository, o próprio Spring Data se encarrega de implementar os métodos. ENTITY @Entity public class Pessoa implements Serializable { private static final long serialVersionUID = 1 L; @Id private Long id; private String nome; @Temporal(TemporalType.DATE) @Column(name = "dataNasc") private Date dataNascimento; private String email; //Gets e Sets } REPOSITORY public interface PessoaRepository extends JpaRepository <Pessoa, Long> {}
  16. 16. 16 @NoRepositoryBean interface BaseRepository<T, ID extends Serializable> extends Repository<T, ID> { T findOne(ID id); T save(T entity); } interface PessoaRepository extends BaseRepository<User, Long> { User findByEmail(Email email); } REPOSITORY CUSTOMIZADO É possível personalizar os repositórios criando novos métodos
  17. 17. 17 QUERY METHODS São métodos de busca declarados na interface do repositório que são examinados e interpretados pela infraestrutura do Spring Data para gerar as consultas. public interface PersonRepository extends Repository<User, Long> { List<Person> findByEmailAddressAndLastname(EmailAddress emailAddress, String lastname); } select u from User u where u.emailAddress = ?1 and u.lastname = ?2
  18. 18. 18 QUERY LOOKUPS É como o Spring Data realiza a busca das queries. Atualmente existem três formas. CREATE 01 USE_DECLARED_QUERY 02 CREATE_IF_NOT_FOUND 03 <repositories query-lookup-strategy="use-declared-query"/>
  19. 19. 19 CREATE Quebra os query methods pelo prefixo e o nome das propriedades Keyword Sample JPQL snippet And findByLastnameAndFirstname … where x.lastname = ?1 and x.firstname = ?2 Or findByLastnameOrFirstname … where x.lastname = ?1 or x.firstname = ?2 Is,Equals findByFirstname,findByFirstnameIs,f indByFirstnameEquals … where x.firstname = ?1 Between findByStartDateBetween … where x.startDate between ?1 and ?2 ... ... ...
  20. 20. 20 CREATE Acessando propriedades transversais Pessoa que tem um Endereco que tem um Cep List<Pessoa> findByEnderecoCep(Cep cep); Definindo manualmento o ponto de transversão List<Pessoa> findByEndereco_Cep(Cep cep);
  21. 21. 21 XML CLASSE JAVA <named-query name="User.findByLastname"> <query>select u from User u where u.lastname = ?1</query> </named-query> @Entity @NamedQuery(name = "User.findByEmailAddress", query = "select u from User u where u.emailAddress = ?1") public class User { } REPOSITORY public interface UserRepository extends JpaRepository<User, Long> { List<User> findByLastname(String lastname); User findByEmailAddress(String emailAddress); } USE_DECLARED_QUERY Utiliza apenas queries declaradas
  22. 22. 22 USE_DECLARED_QUERY Utiliza apenas queries declaradas @Query - Anotação @Modifying @Query("update User u set u.firstname = ?1 where u.lastname = ?2") int setFixedFirstnameFor(String firstname, String lastname); @Query("select u from User u where u.firstname like %?1") List<User> findByFirstnameEndsWith(String firstname); @Query(value = "SELECT * FROM USERS WHERE EMAIL_ADDRESS = ?1", nativeQuery = true) User findByEmailAddress(String emailAddress); @Query(value = "SELECT * FROM USERS WHERE LASTNAME = ?1",countQuery = "SELECT count(*) FROM USERS WHERE LASTNAME = ?1",nativeQuery = true) Page<User> findByLastname(String lastname, Pageable pageable); @Query("select u from User u where u.firstname = :firstname or u.lastname = :lastname") User findByLastnameOrFirstname(@Param("lastname") String lastname,Param("firstname") String firstname);
  23. 23. 23 LIMITANDO RESULTADOS User findFirstByOrderByLastnameAsc(); User findTopByOrderByAgeDesc(); Page<User> queryFirst10ByLastname(String lastname, Pageable pageable); Slice<User> findTop3ByLastname(String lastname, Pageable pageable); List<User> findFirst10ByLastname(String lastname, Sort sort); List<User> findTop10ByLastname(String lastname, Pageable pageable);
  24. 24. 24 TÓPICOS AVANÇADOS Auditoria, Specifications e QueryDSL
  25. 25. 25 Auditoria No Spring Data o suporte a auditoria é bem sofisticado permitindo o registro de alterações das entidade e em qual momento elas ocorreram. Por anotações @CreatedBy, @LastModifiedBy, @CreatedDate e @LastModifiedDate class Customer { @CreatedBy private User user; @CreatedDate private DateTime createdDate; // outras propriedades } Pode-se aplicar as anotações somente nos dados que se deseja capturar. Por interface É fornecida a interface Auditable, que expõe os setters necessários para auditoria.
  26. 26. 26 Auditoria Para o JPA é disponibilizado um listener para as entidades. AuditingEntityListener @Entity @EntityListeners(AuditingEntityListener.class) public class MyEntity { } Após configurar o listener pode-se utilizar as anotações ou interfaces de auditoria.
  27. 27. 27 Specifications O Spring Data JPA fornece classes para aplicar o padrão Specification, o qual melhora a utilização da Api Criteria do JPA. public final class PessoaSpecification { public static Specification<Pessoa> byNome(String name) { return new Specification<Pessoa>() { @Override public Predicate toPredicate(Root<Pessoa> root, CriteriaQuery<?> query, CriteriaBuilder builder) { return builder.like(root.<String>get("nome"), String.format("%s%", name.trim())); } }; } ... } Exemplo de Classe Utilitária @Repository public interface PessoaRepository extends JpaRepository<Pessoa, Long>, JpaSpecificationExecutor<Pessoa> { } Repository
  28. 28. 28 Specifications @RestController @RequestMapping(value="/") public class PessoaController { @Autowired private PessoaRepository repository; @RequestMapping(method = RequestMethod.GET, value="/{nome}") public List<Pessoa> listByNome(@PathVariable String nome) { Specification<Pessoa> peloNome = PessoaSpecification.byNome(nome); return Lists.newArrayList(repository.findAll(peloNome)); } ... } Utilizando o repositório com a specification: O Spring ainda fornece a classe Specifications para facilitar a utilização de muitos predicados.
  29. 29. 29 QueryDSL A API fluente desse framework pode ser utilizado para realizar consultas nos repositórios do Spring Data Interface QueryDslPredicateExecutor A integração com a QueryDSL é realizada através dessa interface. public interface QueryDslPredicateExecutor<T> { T findOne(Predicate predicate); Iterable<T> findAll(Predicate predicate); long count(Predicate predicate); boolean exists(Predicate predicate); // … mais declarações omitidas } Para utilizar a integração basta apenas estender a QueryDslPredicateExecutor na sua interface repositório. interface PessoaRepository extends CrudRepository<Pessoa, Long>, QueryDslPredicateExecutor<Pessoa> {}
  30. 30. 30 QueryDSL Após habilitar o suporte, os métodos do repositório já podem receber as consultas do tipo QueryDSL. Predicate predicate = pessoa.primeiroNome.equalsIgnoreCase("Thomas") .and(user.ultimoNome.startsWithIgnoreCase("Anderson")); userRepository.findAll(predicate);
  31. 31. 31 QUANDO USAR Vantagens e desvantagens
  32. 32. 32 VANTAGENS Suporte a paginação, execução dinâmica de consultas e possibilidade de utilizar código customizado para acessar a base de dados. Sofisticado suporte para criação de repositórios que diminui muito código repetitivo. As consultas JPQL são compiladas na inicialização do contexto Spring, facilitando a detecção de erros de sintaxe. Suporte a QueryDSL e auditoria de classes de domínio.
  33. 33. 33 DESVANTAGENS Nomes dos métodos dos repositórios podem se tornar grandes em longas ou complicadas consultas. SQL nativo pode ser mais eficiente.
  34. 34. 34 ENCERRANDO Um longo caminho pela frente
  35. 35. 35 FONTES SITES ● InfoQ - https://www.infoq.com/br/articles/spring-data-intro Artigo - Spring Data: A solução mais geral para persistência? Acessado em 09/2016 ● Spring Data JPA reference - http://docs.spring.io/spring-data/jpa/docs/1.10.3.RELEASE/reference/html/ Acessado em 09/2016 ● Spring Framework reference - http://docs.spring.io/spring/docs/current/spring-framework-reference/htmlsingle / Acessado em 09/2016
  36. 36. 36 DÚVIDAS?
  37. 37. 37 OBRIGADO! ivanqueiroz@gmail.com @ivanqueiroz @javabahia

×