Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Lesões Fundamentais da Pele

7,684 views

Published on

Aula de "Lesões Fundamentais da Pele" da Disciplina de Semiologia da Unilus

Published in: Health & Medicine
  • Login to see the comments

Lesões Fundamentais da Pele

  1. 1. - A pele é um manto de revestimento do organismo, indispensável à vida e que isola os componentes orgânicos do meio exterior. - Representa mais de 15% do peso corpóreo.
  2. 2. Compõe-se de: 1 – EPIDERME (0,04 mm a 1,6mm): camada superficial; estratos: basal, espinhoso, granuloso, lúcido e córneo. 2 – DERME: camada intermediária; vascularizada; inervada; glândulas sebáceas, sudoríparas e folículos pilosos. 3 – HIPODERME: tecido celular subcutâneo; tecido adiposo.
  3. 3. Tipos: - Espessa: glândulas sudoríparas; palma das mãos e planta dos pés. - Delgada: folículos pilosos, glândulas sebáceas e sudoríparas.
  4. 4. SEMIOLOGIA DA PELE Aspectos: 1 – Coloração 2 – Umidade 3 – Textura 4 – Espessura 5 – Temperatura 6 – Elasticidade 7 – Mobilidade 8 – Turgor 9 – Sensibilidade 10 – Lesões elementares
  5. 5. LESÕES ELEMENTARES 1 – ALTERAÇÕES DE COR • Mácula – menor que 1 cm e sem relevo. • Mancha – maior que 1 cm e sem relevo. PIGMENTARES • Acrômica • Hipocrômica • Hipercrômica
  6. 6. VASCULARES • ERITEMA – desaparece pela dígitopressão ou vitropressão. • HEMORRÁGICAS – (púrpuras) - Petéquia – menor que 1 cm - Equimose – maior que 1 cm
  7. 7. ELEVAÇÕES EDEMATOSAS • Urtica – elevação efêmera, irregular, cor branco-róseo ao vermelho e pruriginosa. • Edema Angioneurótico – subcutâneo, tumefação ou saliência em superfície.
  8. 8. FORMAÇÕES SÓLIDAS • Pápula – menor que 1 cm e com relevo. • Placa – maior que 1 cm e com relevo. • Nódulo – 1 a 3 cm; saliente ou não. • Tumor – maior que 3 cm.
  9. 9. COLEÇÕES LÍQUIDAS • Vesícula – elevação circunscrita até 1 cm com líquido claro. • Bolha – líquido claro; maior que 1 cm. • Pústula – pus; até 1 cm.
  10. 10. AVALIAÇÃO • Localização anatômica e distribuição (focal; disseminada) • Padrão e forma (anelar; linear) • Tipo - Eritema; petéquia; equimose; pápula; bolha.
  11. 11. ALTERAÇÕES DE ESPESSURA • Queratose – espessamento da pele; duro; inelástico; amarelado; de superfície áspera. • Liquenificação – espessamento da pele com acentuação dos sulcos e da cor normal; aspecto quadriculado. • Edema – aumento de espessura depressível; decorrente do extravasamento de plasma na derme e/ou hipoderme. • Infiltração – aumento de espessura com menor evidência dos sulcos.
  12. 12. • Esclerose – alteração de espessura com aumento da consistência da pele; lardácea ou coriácea. Não é depressível; hipo ou hipercrômica; resulta da fibrose do colágeno. • Atrofia – diminuição da espessura da pele que se torna adelgaçada e pregueável.
  13. 13. PERDAS E REPARAÇÕES São oriundas da eliminação ou destruição patológicas e de reparações de tecidos cutâneos. • Escama – massa furfurácea ou foliácea que se desprende da superfície cutânea por alteração de queratinização. • Erosão – perda superficial da epiderme (escoriação – traumática). • Úlcera – perda da epiderme, derme e/ou hipoderme.
  14. 14. • Fissura – perda linear da epiderme e derme no contorno de orifícios naturais ou dobras. • Crosta – resulta do ressecamento de serosidade, pus ou sangue misturado com restos epiteliais. • Escara – área de cor preta ou lívida limitada por necrose tecidual. • Cicatriz – resulta da reparação de processo destrutivo da pele e associa atrofia, fibrose e discromia.
  15. 15. LESÕES PRIMÁRIAS • Ocorre sobre a pele sadia. LESÕES SECUNDÁRIAS • Produzidas por agressão externa sobre a pele. • Consequências das lesões primárias.

×