Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

15 a arte e a mentalidade barrocas

A arte e a mentalidade barrocas

  • Be the first to comment

15 a arte e a mentalidade barrocas

  1. 1. A arte e a mentalidade barrocas
  2. 2. Nos séculos XVII e XVIII, uma nova corrente artística – o Barroco – expandiu-se pela Europa e pela América Central e do Sul… …refletindo grandes mudanças ao nível das mentalidades e da arte. A arte barroca foi usada pela Igreja Católica para combater o protestantismo.  A riqueza dos materiais usados;  O dramatismo das esculturas e pinturas;  A envolvência da música… …cativavam os crentes. Este gosto pelo espetáculo e pela grandiosidade acabou por influenciar também os modos de vida dos grupos mais abastados. Êxtase de Santa Teresa (Bernini) Teto da igreja de Santo Inácio (Roma).
  3. 3. Difunde-se por toda a Europa e colónias nos séculos XVII e XVIII. Surge nos finais do século XVII em Roma. Assunção da Virgem Maria (1723). Egid Quirin Asam. Mosteiro de Rohr, Alemanha. Visa apelar aos sentidos, emocionar, deslumbrar e seduzir os fiéis. Expressão artística surgida no âmbito da Contrarreforma. ▼ O que será, então, a Arte Barroca?
  4. 4. A Arquitetura Barroca
  5. 5. A Arquitetura barroca manteve algumas estruturas renascentistas, mas… …substituiu a sobriedade e o equilíbrio por outras características, tais como:  Grandiosidade e riqueza na decoração – havia horror ao vazio, preenchendo os espaços com:  esculturas  pinturas  talha dourada…………………………………………….....  e, em Portugal, azulejo………………….............
  6. 6.  Impressão de movimento, através de:  fachadas onduladas  curvas e contracurvas  Plantas ovais, circulares e em eclipse. circulares Em elipseVer fachada do Palácio do Raio, página 94 do manual
  7. 7. Catedral de Siracusa. Sicília, Itália. › Fachada ricamente decorada. › Frontões. › Colunas. › Arcos de volta perfeita. › Linhas curvas e contracurvas.
  8. 8. O ouro do Brasil permitiu a construção e renovação de muitos edifícios religiosos e civis, neste período, em Portugal.OBarrocoemPortugal …têm um grande número de construções barrocas.
  9. 9. OBarrocoemPortugal Nicolau Nasoni 1691-1773 …autor de obras como: Destacaram-se os arquitectos: Palácio do Freixo, no Porto
  10. 10. Torre e igreja dos Clérigos, no Porto OBarrocoemPortugal
  11. 11. OBarrocoemPortugal Palácio da Quinta da Prelada, no Porto
  12. 12. OBarrocoemPortugal Fachada da Igreja da Misericórdia Igreja do Bom Jesus de Matosinhos
  13. 13. OBarrocoemPortugal Solar de Mateus, em Vila Real
  14. 14. OBarrocoemPortugal Ludovice 1673-1752 Palácio-convento de Mafra
  15. 15. OBarrocoemPortugal Biblioteca Joanina, da Universidade de Coimbra
  16. 16. OBarrocoemPortugal Aqueduto das Águas Livres
  17. 17. • A biblioteca Joanina e o Aqueduto das Águas Livres, são outros dois exemplos de arquitetura barroca portuguesa, que atingiu o seu expoente máximo no reinado de D. João V.
  18. 18. A escultura e a pintura barrocas
  19. 19. A escultura e a pintura barrocas destacam-se por transmitirem grande emoção e dramatismo através:  da exuberância das formas e dos volumes  pelas expressões teatrais  pelo movimento Na pintura… 󱀍 preferiam-se as cores fortes e contrastantes 󱀍 e utilizavam-se as ilusões de ótica.
  20. 20. Na escultura destacaram-se, em Itália… …em Portugal Bernini António Ferreira Machado de Castro
  21. 21. Vieira Lusitano Alguns dos principais pintores barrocos foram: Rembrandt Rubens Velázquez Murillo Em Portugal destaca-se…
  22. 22. •Teatralidade; • Dramatismo para apelar aos sentidos do espetador; • Ideia de movimento: ondulado do vestuário. • Ideia de movimento: linhas curvas e contracurvas; • Mantêm-se elementos renascentistas: abóbada, pilastras, colunas, frontões, arcos de volta perfeita; • Exuberância decorativa. • Contraste claro escuro; • Cores intensas; • Perspetiva: ilusão de que o espaço se prolonga para além do edifício. Arquitetura Pintura Escultura Barroco Em Síntese…

×