Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Jornal Paraná Notícias

140,196 views

Published on

A informação como ela é.

Published in: News & Politics
  • Login to see the comments

  • Be the first to like this

Jornal Paraná Notícias

  1. 1. "A tua palavra é lâmpada que ilumina os meus passos e luz que clareia o meu caminho" (Salmos 119: 105) Pág. 03 Campo Mourão, 26 e 27 de fevereiro de 2016 Onde está na Bíblia que Jesus tinha 33 anos de idade quando morreu? Pág. 07 CIDADES Pág. 06 Nishimori participa do 1º Dia de Campo Integração Lavoura Pecuária e Floresta Em parceria com a Fomento Paraná, Prefeitura de Engenheiro Beltrão oferece curso gratuito Governo do Paraná assina contratos para construção de 517 casas em 11 municípios Dando sequência ao projeto de fortalecimento do PSC - Partido Social Cristão, o pré-candidato a prefeito de Goioerê, Betinho Lima, tem filiado várias lideranças ao partido. EM GOIOERÊ, SERVIDORES MUNICIPAIS FILIAM-SE AO PSC Joaquim da Ambulância - Motorista Rose - Professora Valéria - Professora Professora Firminio Chico - Enfermeiro Armando Sabino - Enfermeiro Marquinhos do Ônibus - Presidente da ASSEMUGArzula - Presidente da SISMUG Elizabete - Professora Valselita - Professora Pág. 03 Pág. 02 Pág. 05 Peabiru: Capela Mortuária pede socorro
  2. 2. EstadoPágina 02 Campo Mourão, 26 e 27 de fevereiro de 2016 PARANÁ NOTÍCIAS Governo do Paraná assina contratos para construção de 517 casas em 11 municípios “A casa própria materializa um sonho para as famílias, muitas esperando há anos por essa oportunidade, sair do aluguel, tornarem-se proprietárias de uma moradia decente e segura” – Beto Richa. Investimentos nos novos empreendimentos habitacionais são avaliados em R$ 35,3 milhões, prove- nientes do Fundo de Garan- tia do Tempo de Serviço (FGTS). O governador Beto Richa e o presidente da Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar), Abelardo Lupion, assinaram nesta terça-feira (22), no Palácio Iguaçu, os termos de uso e prestação de serviço para a construção de 517 novas moradias populares em 11 municípios do Estado. Os empreendimentos têm in- vestimento estimado em R$ 35,3 milhões em recursos do Fundo de Garantia do Tem- po de Serviço (FGTS) e são frutos de uma parceria com prefeituras e a Caixa Eco- nômica Federal. As casas serão cons- truídas em Ampére (62), Farol (27), Florestópolis (66), Mallet (46), Mariópo- lis (37), Pérola d’Oeste (45), Pinhão (42), Pranchita (22), Rio Azul (103), Santa Ma- ria do Oeste (31) e Terra Rica (36). A parceria, afirmou o governador, é essencial para a realização dos projetos ha- bitacionais, área que é uma prioridade do governo esta- dual. “A casa própria mate- rializa um sonho para as fa- mílias, muitas esperando há anos por essa oportunidade, sair do aluguel, tornarem- se proprietárias de uma moradia decente e segura”, afirmou Richa. Por isso, dis- se ele, o governo estadual concentra esforços nos pro- gramas habitacionais. “Em cinco anos aten- demos a 105 mil famílias, in- cluindo 13 mil unidades ru- rais, somando casas já en- tregues, as que estão em construção e as já assegu- radas com contratos. Todos os 399 municípios recebe- ram projetos, sem discrimi- nação de política ou parti- dária. Graças às boas par- cerias e ao espírito munici- palista do governo estadu- al.” Participaram da soleni- dade a vice-governadora Cida Borghetti; o presiden- te da Assembleia Legislati- va, Ademar Traiano, e de- putados estaduais. Os prefeitos enaltece- ram a iniciativa do Estado e as parcerias. “Vamos po- der atender a uma das mai- ores demandas da popula- ção, que é a casa própria. É uma alegria estar aqui para um momento importante para as nossas cidades”, afirmou Rogério da Silva Almeida, de Mallet, que fa- lou em nome dos demais prefeitos. O governador falou sobre as medidas de ajuste fiscal e ressaltou os resul- tados positivos para o Pa- raná. “As receitas transferi- das do Estado para os mu- nicípios aumentaram em 20%. Levantamento feito por jornais de circulação nacional mostra que apenas dois estados, o Paraná e a Bahia, poderão ampliar in- vestimentos neste ano. A Bahia ampliará em 2% e o Paraná em 21%. Tudo isso é resultado do esforço que fizemos para preparar o Pa- raná para o enfrentamento da crise nacional”, disse Ri- cha. MAIS 12 MIL - Na soleni- dade, o presidente da Coha- par afirmou que, até abril, haverá o lançamento de mais 12 mil casas, coman- do investimentos de R$ 900 milhões, também com recursos do FGTS. “Este ato de hoje é um símbolo de uma nova fase da habi- tação do Paraná”, afirmou Abelardo Lupion. Ele ressaltou que, além dos projetos com re- cursos do FGTS, a área habitacional do Paraná terá também R$ 130 milhões para investir em projetos de interesse social e realo- cação de famílias de área de risco. “Vamos atender as famílias que não têm como crescer sem o apoio do po- der público”, afirmou. “Além disso, nos próximos três anos, o Governo do Estado fará um grande programa de regularização fundiária. A previsão é re- gularizar 40 mil terrenos, dando segurança às famí- lias proprietárias”, disse Lupion. VIABILIZAÇÃO - A as- sinatura dos contratos de prestação de serviços com a construtoras para as 517 unidades marca a finaliza- ção da fase de viabilização dos projetos, coordenada pela Cohapar, e que envol- veu a elaboração dos pro- jetos executivos, loteamen- to de áreas e obras de in- fraestrutura para a cons- trução dos imóveis. A com- panhia também foi respon- sável pela liberação de pen- dências técnicas e licenças ambientais, o que permitirá que as obras sigam em rit- mo constante. Além do trabalho re- alizado pela Cohapar, o go- verno estadual também par- ticipa com os benefícios pre- vistos pelo programa Mo- rar Bem Paraná, que inclu- em a instalação dos siste- mas de energia, água e es- goto dos residenciais. Com isso, o custo final das mo- radias é reduzido, o que per- mite também a redução do financiamento a ser pago pelas famílias. Agora, cabe às empre- sas vencedoras do processo licitatório a obtenção da aprovação da Caixa Econô- mica Federal, agente finan- ceiro dos projetos, para a comercialização dos imó- veis e início efetivo das obras. Os lotes ficaram di- vididos entre as empresas Vale Sul, MA Martins, Exact e LB Fernandes. Projeto valoriza mu- nicípios e as famílias, afir- mam prefeitos A prefeita Ângela Kraus, de Farol (Centro- Oeste), disse que a inicia- tiva vem em boa hora para o município. “Este é um projeto que valoriza Farol e as nossas famílias, que aguardam ansiosas para deixar de pagar aluguel e passar a investir na casa própria”, afirma. Santa Maria do Oes- te (região central) tem, se- gundo o prefeito Cláudio Leal, um dos menores Ín- dices de Desenvolvimento Humano (IDH) do Paraná e uma grande demanda por moradias. “Por isso, tanto a população quanto nós, gestores do município, estamos ansiosos com o início das obras”, afirmou ele. Em Mallet, as 46 unidades serão construí- das em área próxima do centro da cidade, no anti- go campo de aviação. “A Copel e a Sanepar já leva- ram energia e saneamen- to. As famílias deixarão de pagar aluguel e terão mo- radia própria, com toda a infraestrutura”, disse o pre- feito Rogério da Silva Al- meida. Em Pranchita (Su- doeste), o conjunto habita- cional, com 22 unidades, será construído próximo a uma área de lazer, também construída com apoio do Estado. “Além do lazer, as famílias terão acesso fácil a unidades de saúde e esco- las”, disse o prefeito Mar- cos Michelon. O prefeito de Marió- polis, Márcio Paulek, refor- çou a importância da par- ceria e a posição do gover- no estadual de priorizar a habitação popular. O muni- cípio, do Sudoeste, atende- rá a 37 famílias. “O gover- no estadual está ajudando muito os pequenos municí- pios”, disse Paulek. Para o prefeito de Ampére, Hélio Manoel Al- ves, a parceria do governo estadual tem sido funda- mental na viabilização de novos empreendimentos. “Já temos cerca de 120 fa- mílias pré-selecionadas para participar do projeto e contamos com o apoio da Cohapar para dar continui- dade ao processo, que tem sido satisfatório para o mu- nicípio”, declara.
  3. 3. “ & FatosPolíticaFaltam 220 dias para as próximas eleições... Campo Mourão, 26 e 27 de fevereiro de 2016 Página 03PARANÁ NOTÍCIAS Arzula - Presidente da SISMUG Marquinhos do Ônibus - Presidente da ASSEMUG Professora Firminio Rose - Professora Valéria - Professora Valselita - Professora Chico - Enfermeiro Elizabete - Professora EM GOIOERÊ, SERVIDORES MUNICIPAIS FILIAM-SE AO PSC Dando sequência ao projeto de fortalecimento do PSC - Partido Social Cristão, o pré-candidato a prefeito de Goioerê, Betinho Lima, tem filiado várias lideranças ao partido. Na última semana, vários servidores munici- pais aderiram ao projeto do PSC e se filiaram a sigla cristã. Entre os novos filiados estão, a Presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais (SISMUG) - Arzula Cavalcante de Oliveira, o Presidente da Associ- ação dos Servidores Públicos Municipais (ASSEMUG) - Antônio Marcos da Silva, o Marquinhos do ônibus, e também as professoras Valselita, Rose, Firmino e os funcionários da área da Saúde, Chico Enfermeiro, Joaquim da Ambulância, Armando da Farmácia Básica e a Valéria da Vigilância Sanitária. “Servidores municipais é a espinha dorsal do municí- pio, eles mais do que nunca, conhecem a realidade de nossa cidade”, explicou o ex-vereador. Nos últimos dias, Betinho tem intensificado as reuniões nos bairros com o Projeto PSC no Bairro com Você e também filiações de pré-candidatos a vereadores e apoiadores, que já demonstraram total engajamento, numa possí- vel candidatura dele. “O PSC conta com diversos filiados, de todos os segui- mentos da sociedade, os servidores municipais que filiaram conosco recentemente, mostra que estamos no caminho certo”, disse o pré-candidato. “Lideranças como essas são bem vindas, irão sem dúvida, contri- buir para que possamos nos aproximar ainda mais da comunidade, para entendermos e buscarmos soluções para melhorar e ajudar no desenvolvimento de Goioerê” - frisou. Resultado positivo - Betinho ainda ressaltou que as reuniões nos bairros tem sido gratificante, pois pro- move a discussão de ideias, e que primeiro, precisa-se ouvir, para depois, buscar juntos, um caminho, uma solução, “se a pessoa que tem a possibilidade de fazer algo para mudar, não ouvir quem realmente precisa, a política acaba se tornando algo vazio, sem motivação”, finalizou. Joaquim da Ambulância - Motorista Armando Sabino - Enfermeiro
  4. 4. De segunda a sábado R$ 15,00 - Domingos e feriados R$ 17,00 - Marmitex pequena R$ 7,50 - Média R$ 10,00 - Grande R$ 12,00 Rua Santa Catarina, 2120 - Centro - Campo Mourão PR Fone: (44) 3017-1141 Campo Mourão, 26 e 27 de fevereiro de 2016 O restaurante do Moacir, localizado na área central de Campo Mourão, vem se tornando ponto de encontro de pessoas de toda região. A passeio ou a trabalho, muitas pessoas tem preferido o restaurante para fazer uma saborosa refeição. Com preços acessíveis e uma ótima qualidade, o restaurante já virou referência na região da Comcam. PARANÁ NOTÍCIASCidadesPágina 04 Clínica Odontológica do Bebê realizou mais de 4.000 atendimento em Campo Mourão A Clínica Odontoló- gica do Bebê, conhecida como o Programa COBE, do município de Campo Mourão, realizou no ano de 2015 o atendimento de 4.013 bebês. Somente no ano de 2015, foram ingres- sados no programa 458 be- bês. O Programa propõe atenção Odontológica a 100% dos recém-nascidos no município. Atende crian- ças de 0 a 06 anos, promo- vendo a prevenção e contro- le dos problemas bucais a partir dos primeiros meses de vida da criança, consci- entiza os pais sobre os cui- dados na manutenção da saúde bucal do bebê. Como exigência para o ingresso da criança ao programa, a mesma deve ter menos de 01 ano de ida- de, sendo assim ainda na maternidade agenda-se uma data para que os pais participem de uma reunião com o cirurgião dentista, (a participação dos pais na reunião é obrigatória). A reunião tem como objetivo esclarecer dúvidas e orientar sobre o funciona- mento e a finalidade do pro- grama para que haja atua- ção efetiva dos pais na edu- cação, prevenção e manu- tenção da Saúde Bucal da criança. No dia da reunião, será agendada a primeira consulta de atendimento no bebê, e o retorno a cada três meses ou conforme neces- sidade do bebê. O atendimento é rea- lizado de forma descentra- lizada em alguns módulos Odontológicos localizados em escolas e UBS conforme a área de abrangência. Os locais de atendimentos do Programa são: UBS Centro Social Urbano; UBS Cida- de Nova; UBS Guarujá; UBS Tropical; Escola Uru- pês; Escola Paulo VI; Es- cola Monteiro Lobato - (atendimento está sendo re- alizado no CEDUS - Cen- tro Educacional Santa Rita jd Pio XII); Escola CAIC; Escola Ethanil Bento de Assis. Para maiores infor- mações, entrar em contato na Secretaria da Saúde, Di- visão de Odontologia pelo telefone 3518-1614. Lar Paraná recebe obras de recuperação de vias Dando sequência ao projeto de recuperação da pavimentação asfáltica, a Prefeitura de Campo Mourão está realizando trabalhos de melhorias com operação tapa-buracos em vias do Lar Paraná. Na última sexta- feira, 19, os trabalhos foram realizados em trechos das ruas Akibono e Duque de Caxias, bem como demais travessas. As obras que atendem pedidos da comunida- de são realizadas com recursos próprios e continuam na nessa semana. O atendimento é realizado de forma descentralizada em alguns módulos Odontológicos localizados em escolas e UBS conforme a área de abrangência Nishimori participa do 1º Dia de Campo Integração Lavoura Pecuária e Floresta No Brasil a agricul- tura representa 1/3 do Pro- duto Interno Bruto (PIB), por isso é importante a bus- ca por inovações e novas formas de cultivo, o depu- tado federal Luiz Nishimo- ri é conhecido por seu tra- balho como membro na Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural (CAPADR), e pela atenção que tem com a agricultura e pecuária no Paraná. O parlamentar se fez presente no 1º dia de Cam- po Integração Lavoura Pe- cuária e Floresta realizado em Santa Fé, o objetivo do encontro é difundir a práti- ca que propõe uma recupe- ração do solo degradado por anos de monocultívo e de elevada pressão sobre o meio ambiente como a per- da de fertilidade do solo, erosões que consequente- mente causam o assorea- mento dos rios, poluição do solo e da água e a emissão dos gases de efeito estufa. Em síntese a Integra- ção sugere que na mesma propriedade esteja presen- te o cultivo de diferentes sistemas produtivos, como os de grãos, fibras, carne, leite e agroenergia. Busca melhorar a fertilidade do solo com a aplicação de téc- nicas e sistemas de plantio adequados para a otimiza- ção e a intensificação de seu uso. Dessa forma, permi- te a diversificação das ati- vidades econômicas na pro- priedade e minimiza os ris- cos de frustração de renda por eventos climáticos ou por condições de mercado. Segundo Nishimori a agricultura é o setor econô- mico que ainda caminha bem apesar da crise políti- ca e econômica que vem as- solando o Brasil. “A agricul- tura ainda está bem por isso temos que buscar a diversi- ficação, principalmente para os pequenos produtores, te- mos que valorizar o tipo de solo de cada região e pro- mover a integração que é um modo de produzir e mesmo assim respeitar o meio ambiente”.
  5. 5. Cidades Campo Mourão, 26 e 27 de fevereiro de 2016 Página 05PARANÁ NOTÍCIAS “O Senhor é a minha rocha poderosa e o meu abrigo.”Salmos 62.27 Em parceria com a Fomento Paraná, Prefeitura de Engenheiro Beltrão oferece curso gratuitoEm parceria com a Fomento Paraná, Bom Ne- gócio Paraná e Banco do Empreendedor, a Prefeitu- ra Municipal de Engenhei- ro Beltrão oferece curso gratuito para capacitação profissional. A capacitação possui seis módulos: Gestão Financeira; Gestão Estraté- gica; Gestão Comercial; Gestão de Negócios e Ges- tão de Pessoas. O curso terá início no dia 1º de março, na Escola das Profissões e terá carga horária de 66 horas. As ma- trículas devem ser feitas na prefeitura do município, com Lucimara Parolin Gre- go. A capacitação possui va- gas limitadas. Para mais in- formações os interessados podem ligar para os seguin- tes números: (44) 3518- 1847 (Unespar/Fecilcam) ou ainda na prefeitura de Engenheiro Beltrão, no (44) 3537- 8100, falar com Lu- cimara. O Banco do Empre- endedor foi instalado no município no Governo do atual prefeito Elias Lima (PSD). Além das taxas de juros diferenciados do mer- cado atual, existem várias linhas de crédito que se en- caixam de acordo com a Secretaria de Agricultura faz instalação de placas em canteiros centrais da cidade A Secretária de Agri- cultura e Meio Ambiente está fazendo a implantação de placas de proibição de jo- gar lixo nos canteiros cen- trais das avenidas e ruas de Engenheiro Beltrão. A ins- talação está sendo prioriza- da nos locais onde há maior concentração de lixos des- cartados irregularmente. Prejuízos: vandalismo vira rotina em Engenheiro Beltrão Cenas de vandalismo têm se tornando comum em quase todos os setores de Engenheiro Beltrão. Prati- camente toda semana acon- tecem ocorrências de des- truição do patrimônio pú- blico, muitas vezes prejudi- cando o atendimento à po- pulação e sempre onerando o erário. Postos de saúde, iluminação pública, áreas de lazer, entre outros logra- douros públicos estão sen- do alvos frequentes deste tipo de ação criminosa. “O que podia ser in- vestido para melhoria em escolas, creches é utilizado para restaurar estragos provocados por vandalis- mo”, lamentou o Secretário 1° EXPODOG FOI UM SUCESSO EM ENGENHEIRO BELTRÃO A 1ª edição da Expo- dog, realizada no domingo em Engenheiro Beltrão foi um sucesso. O evento, para doaçãodeanimais,foibastan- teprestigiadopelapopulação. Maisde50%dosanimaisque estavam em exposição con- seguiram um lar, segundo a presidentedoCentrodePro- teção e Bem Estar Animal AlmirNeto(Cepan),Claude- nir Cordioli. “Conseguimos doarpelomenosdezanimais. necessidade de cada um. Podem obter o financia- mento pessoas físicas que estão iniciando um empre- endimento ou que já exer- cem uma atividade produ- tiva, mas ainda não forma- lizaram o negócio, seja como empreendedor indivi- dual ou empresa, que te- nham faturamento bruto anual de até R$ 60 mil, e que precisem investir para ini- ciar, melhorar ou ampliar o empreendimento ou pesso- as jurídicas que já possuam um negócio formalizado. De acordo com secre- tário de Agricultura e Meio Ambiente, Washing- ton Bagão, já foram insta- ladas ao todo 70 placas. Entre os trechos que ainda faltam, será contemplada a Avenida Ivaí e Avenida Bra- sil, entre outros. Segundo Bagão, o objetivo é manter a cidade limpa contribuin- do também no combate ao mosquito Aedes Aegypti, transmissor da dengue e infestações de outros tipos de insetos e animais. O secretário lamen- tou que mesmo com as pla- cas de advertência algumas pessoas ainda continuam jogando lixos em locais im- próprios. “Em algumas si- tuações até chegam a dani- ficar as placas”, lamentou. Vale lembrar que jogar lixo em locais inadequados é crime ambiental, conforme a Lei N° 9.605, cuja pena varia de multa a prisão, de- pendendo da gravidade do caso. Municipal Adjunto de Obras Viação e Serviços Públicos, José Santiago Mendonça. Recentemente, além do posto de saúde do Con- junto Castelo Branco ter sido depredado por invaso- res, a iluminação pública re- baixada próximo ao local também sofreu com a ação de vândalos. Os criminosos furtaram pelo menos sete globos e lâmpadas, deixan- do o prejuízo ao município que recolocou os acessóri- os. Mendonça estima que os últimos estragos causa- dos somente na rede de iluminação pública che- guem a aproximadamente R$ 10 mil. De acordo com regis- tros da prefeitura, pelo me- nos quatro ocorrências de atos de vandalismo ao patri- mônio público foram conta- bilizadas do final de janeiro até a última semana no mu- nicípio. A região do Castelo Branco está entre as locali- dades que mais sofrem com ovandalismo.“Algumaspes- soas infelizmente não dão importância ao patrimônio público e acaba prejudican- do quem realmente necessi- ta dos serviços”, disse Men- donça. Ele pede a contribui- ção da população com de- núncias caso flagrem a des- truição por vândalos do pa- trimônio público. Os casos podem ser comunicados di- retamente à Polícia Militar pelo disk-denúncia 190. O Código Penal Bra- sileiro define a destruição do patrimônio público como crime, prevendo pena de de- tenção de um ano a seis me- ses, ou multa. No caso de “dano qualificado”, a pena é de detenção de seis meses a três anos e multa. Nossaalegriafoiimensa”,co- mentou. Cordiolli informou que já trabalha na prepara- çãodasegundaediçãodaex- posição. No domingo, o evento foi realizado na qua- dra da Escola Maria Medei- ros, junto do Rotary Day. Para adotar um animal era preciso documento de iden- tidade e a pessoa ser maior de idade. Todos os animais deixaram o local com a va- cinação em dia. “Meus agradecimen- tos ao Rotary pelo convite e confiança no meu trabalho. Gostar de animais muitos gostam, mas trabalhar por eles são poucos. Por isso agradeço de coração minha pequena grande e amada equipe que não mediu esfor- ços para que esse evento fos- se um sucesso”, comemorou Cordioli. Rotary Day - O Rota- ry Day foi uma iniciativa do Rotary Club. O evento teve sorteio de prêmios, apresen- tação dos meninos de skate, atividadesfísicaseatividades para crianças. Os agentes de Saúde e endemias do muni- cípio participaram do even- to, orientando a população sobre diabetes, hipertenção e o combate ao mosquito Aedes Aegypti, transmissor da dengue, Zika Vírus e fe- bre Chikungunya.
  6. 6. Página 06 Campo Mourão, 26 e 27 de fevereiro de 2016 PARANÁ NOTÍCIAS VVVVVariedadesariedadesariedadesariedadesariedades Onde está na Bíblia que Jesus tinha 33 anos de idade quando morreu 1 - Se você procurar um verso na Bíblia dizendo aidadedeJesusCristoquan- domorreunãoiráencontrar. Nenhum dos evangelistas que narraram a história de Jesussepreocupouemregis- trar essa informação. São poucos os regis- tros descrevendo fatos rela- cionados a idade de Cristo. Somente Lucas se preocu- pou em registrar algumas idades de Jesus: temos um registro de um fato quando Jesus tinha doze anos (Lu- cas 2: 42) e outro registro do início do ministério de Jesus aos 30 anos de idade (Lucas 3: 23). 2 - Sendo assim, não havendo menção da idade de Cristo quando morreu, por que as pessoas afirmam que foi com 33 anos? A resposta está em uma combinação de análisesdepassagensdedois dos evangelhos (Lucas e João). Em Lucas 3:23 nos é relatado a idade com que Je- sus inicia seu ministério: “Ora, tinha Jesus cerca de trinta anos ao começar o seu ministério…” (Lucas 3:23). Somado a essa menção, te- mos no livro de João a men- ção de quatro festas da pás- coa após o início do minis- tério de Jesus (João 2: 13-23; João 5:1; João 6:4) e a última páscoa quando ele foi cruci- ficado. Sabemos que a pás- coa dos judeus era realizada anualmente no mês de Abi- be ou Nisã (Êxodo 34: 18). 3 - Logo, somando es- sas duas evidências, pode- mos chegar à idade de 33 anos. Se considerarmos que essa primeira páscoa citada por João (João 2: 13-23) foi quando Jesus tinha 30 anos de idade, logo, com 31 anos foi a segunda páscoa citada (João 5:1), com 32 anos a terceira páscoa citada (João 6:4) e com 33 anos a páscoa em que ele foi crucificado. Sendo assim, parece razoá- vel crer que Jesus tinha re- almente por volta de 33 anos e alguns meses quan- do foi crucificado. Só não conseguimos precisar mais essa data por- que a Bíblia não relata a data de nascimento de Jesus. (Via esboçando ideias) DICAS Benefíciosdolimão:frutadetoxajudaaeliminargordura Fonte de vitamina C e citrato, o limão pode aju- dar no processo de emagre- cimento Seja em chás, sucos ou em receitas deliciosas, como uma torta de limão, a fruta azeda pode trazer diversos benefícios à saúde. Fonte de vitamina C, de citrato, de antioxidantes e de sustân- cias detergentes, o limão ajuda a emagrecer e refor- ça o sistema imunológico. Água com limão os benefícios de beber diari- amente A água com limão é benéfica a qualquer hora do dia. Se a tomarmos em je- jum iremos eliminar toxi- nas, regular nosso metabo- lismo e evitar a ação nega- tiva dos radicais livres. Para o ser humano a água é indispensável. Se fi- carmos sem beber água du- rante cinco ou seis dias nos- sa vida correrá sério risco. O corpo humano tem por volta de 75% de água quan- do nascemos e aproximada- mente 60% quando nos tor- namos adultos. Médicos re- comendam tomar ao menos dois litros de água diaria- mente. Essa quantidade en- globa o consumo de sucos, frutas e todos os alimentos que contenham água. A in- gestão da água é vital para a saúde, essencial para o correto funcionamento de todo organismo. Conheça os benéficos de uma receita que te deixará hidratado e será benéfica para seu cor- po a água com limão. Água com limão para o organismo O limão é um cítrico que ocupa o primeiro lugar na lista das frutas preventi- vas, pois graças a seu alto conteúdo vitamínico e cura- tivo, transforma-se em um grande eliminador de bac- térias e toxinas. Possui uma alta quantidade de vitami- na C, que potencializa as defesas do organismo, aju- dando a evitar enfermida- des, inclusive colabora tam- bém com cicatrização de qualquer tipo de ferida. Um potente limpador do organismo torna a boca mais saudável e possui ação desintoxicante, além de ser rico em minerais como po- tássio, magnésio, cálcio e fosforo. O potássio, por exemplo, é essencial para a vida e apresenta altos bene- fícios para o tratamento da hipertensão arterial. É de- finido como altamente me- dicinal, já que atua de for- ma curativa. em mais de 150 enfermidades. As toxinas são encon- tradas em qualquer parte do organismo (sangue, órgãos e tecidos) e quando ingeri- mos limão, ele atua direta- mente onde as toxinas se encontram, combatendo e ajudando a expulsá-las. Em casos de intoxicação gastro- intestinal, ou quando temos a digestão lenta e proble- mas com o fígado e vesícu- la, o limão intervém ajudan- do a normalizar as funções que estão alteradas. A água com limão é um grande aliado para a limpeza do sistema imuno- lógico. O doutor David Jo- ckers discorre com muita propriedade quando nos afirma que: “A água mistu- rada com limão contém áci- do cítrico, que ajuda a lim- par e prevenir os depósitos de cálcio que se acumulam nas artérias. Quando estes depósitos se acumulam po- dem provocar uma enfermi- dade cardiovascular.” Além disso, é impor- tante saber que quando to- mamos água com limão e não a limonada economiza- mos ganhar algumas calo- rias, pois não é necessário o uso do açúcar ou qualquer tipo de adoçante para dei- xá-lo com melhor sabor.
  7. 7. CidadesPARANÁ NOTÍCIAS Campo Mourão, 26 e 27 de fevereiro de 2016 Página 07 LEGISLATIVO EM DESTAQUE INDICAÇÕES E REQUERIMENTOS DOS VEREADORES DE PEABIRU Capela Mortuária pede socorro Não é de hoje as re- clamações feitas pela popu- lação sobre as condições da Capela Mortuária de Peabi- ru. Vários vereadores já fi- zeram indicações solicitan- do melhorias, mas a 10 me- ses de findar o mandato do atual prefeito Claudinei Minchio (PT), até agora nem uma providência foi tomada. Poucas vezes o edi- torial do Jornal Paraná No- tícias, tomou algum posici- onamento sobre algum as- sunto, já que nossa função é informar, e não opinar, mas existem coisas de suma importância como é este caso. O momento mais tris- te de uma família é se des- pedir de um ente querido, o último momento dos ami- gos em se despedir também é algo doloroso. Por isso, a minha opi- nião, não como órgão de im- prensa, mas como cidadão, é de pedir uma atenção espe- cial da parte do Executivo Municipal, para que o mes- mo priorize essa reforma da Capela Mortuária. Que as últimas horas de amigos e familiares nes- sesmomentostãodifíceiste- nham o mínimo de dignida- de. Conheço o prefeito Clau- dineiMinchio,seidesualuta para chegar a prefeitura, com certeza, brevemente providências serão tomadas. Ficaaquiomeupedido,mes- mo não sendo cidadão pea- biruense. (Editorial) Segue abaixo a indicação feita pelo vereador Claudino O vereador Claudino pediu com urgência uma re- forma da Capela Mortuária, incluindo a construção de rampa de acesso a portadores de necessidade especiais; – Recapeamento da Rua Juvenal Portela, em fren- te à Capela Mortuária; e dis- ponibilização de ambulância e ônibus nos dias de velório. Em sua justificativa o Os vereadores em sua totalidade solicitaram que seja encaminhado re- querimento ao Excelentís- simo Prefeito, solicitando o encaminhado a este Poder Legislativo, o que abaixo segue: Considerando a tran- sação imobiliária ocorrida entre o Município de Pea- biru e a Empresa N.A. Quí- mica Ltda., inscrita no CNPJ sob nº 32.634.131/ 0001-17, com sede na cida- de de Campo Mourão, com fundamento na Lei Comple- mentar Municipal n.º 036/ 2014; Considerando que a empresa N.A. Química Ltda., é considerada com- promitente de uma obriga- ção de fazer, acerca de ins- talação de uma unidade no Município de Peabiru; Considerando o fato da referida empresa não ter cumprido sua obrigação até a presente data, o que dá en- sejo ao cancelamento da transação imobiliária por parte da Administração Pública local; Considerando que é cogente a obrigação do Ad- ministrador Público zelar pelo Patrimônio do Muni- cípio, em todos os seus as- pectos; Ante as considerações aqui expostas, requerem ao Executivo Municipal o en- caminhamento a este Poder Legislativo, no prazo regu- lamentar, as informações acerca dos motivos do atra- so nas obras, e, quais as me- didas tomadas pelo Prefeito Municipal com a finalidade de resolver esta situação, haja vista o andamento do empreendimento proposto pela Empresa, estar em de- sacordo com a Legislação, principalmente quanto ao atraso de início, com base no compromisso firmado pelos representantes da mencio- nada Empresa. Informações sobre a empresa Transresíduos Os vereadores Ângelo Prudêncio de Britto, Cícero Souza da Silva e Osmar Pereira, requereram junto ao Executivo Municipal, para que o mesmo envie a Câmara Municipal, o que segue abaixo: 1 - Cópias dos empenhos emitidos e pagos, notas fiscais, comprovantes de paga- mentos, realizados pelo Município de Peabiru à favor da empresa Transresíduos-Trans- portes de Resíduos Industriais Ltda., referente aos meses de JUNHO/2015 até a pre- sente data. O vereador Osmar Pereira – Botinha, enviou um requerimento ao Execu- tivo Municipal para que o mesmo solicite junto ao Se- cretário Municipal de Saú- de, Sr. Adilson Basseto, para que encaminhe ao Poder Legislativo, de informações sobre o que segue abaixo: - Situação da dengue no Município de Peabiru e Região; - Quais os trabalhos estão sendo desenvolvidos contra o mosquito aedes ae- gypti; - Atuação dos Agen- 1 - Considerando a necessidade da existência de um Módulo Policial para instalação da Polícia Mili- tar no Município de Peabi- ru, que atenda de forma sa- tisfatória a demanda na área de segurança pública, apre- sentamos esta indicação, para que o Prefeito, dentro de sua discricionariedade, viabilize, junto ao Estado O vereador Claudi- no de Oliveira Lino, soli- citou por meio de incicação o cascalhamento e a insta- lação de galerias pluviais da Rua Santos Dumont; e Rua Júlio Carneiro Camargo; e Rua Pastor Joel Dias Vile- la. A instalação de galerias pluviais nestas ruas é uma promessa antiga e de suma importância. Assim como o cascalhamento nos trechos onde não existe pavimenta- ção, uma vez que tem cho- vido bastante, o que tem di- ficultado a locomoção dos moradores. Informações sobre a Saúde tes Comunitários de Saúde (ACS) e Agentes de Combate a Endemias (ACE); - O Envolvimento do Conselho Municipal de Saúde e as Secretári- as Municipais. “Nossa solicitação visa obter dados quanto ao número de suspeitas e os casos confirmados de dengue em nosso Mu- nicípio e região. Assim como saber o que está sen- do feito para combater o mosquito aedes aegypti, uma vez que esse mosquito vem transmitindo também outras doenças graves”, foi o que disse o vereador Os- mar Pereira - Botinha. Em indicação, todos os vereadores solicitaram as seguintes informações: do Paraná, e diretamente à COPEL, sobre a possibili- dade de ser utilizado uma das áreas urbanas, abaixo descritas, visando a cons- trução de um módulo para funcionamento da Polícia Militar em nosso município: 1.1 - Lotes 469 e 470, quadra 28, que foi doado, inicialmente, ao Estado do Paraná, para fins de funcio- namento da Delegacia de Polícia, matrícula 6977; 1.2 - Lotes 785 e 786, quadra 45 que foi doado, inicialmente, ao Estado do Paraná para funcionamen- to de uma Unidade Sanitá- ria, matrícula 6778; 1.3 - Lote 389, da quadra 22, pertencente à COPEL, matrícula provisó- ria 12957. vereador argumentou que a Capela Mortuária existente no Município encontra-se em pés- simo estado de conservação, além de não possuir itens bá- sicos como bebedouro e rampa de acesso. “E para piorar a pa- vimentação asfáltica em fren- te à capela está praticamente intransitável. Essas melhorias são ne- cessárias para dar um míni- mo de dignidade às famílias que perdem seus entes queri- dos”, explicou Claudino. Segundo o vereador os proprietários de áreas rurais de nosso município, as pontes estão quase in- transitáveis, sendo de suma importância para a econo- mia do município. Prestação de contas do carnaval - Por meio de re- querimento o vereador Claudino solicitou ao Exe- cutivo Municipal que seja encaminhado ao Poder Le- gislativo, a Prestação de Contas detalhada da Festa de Carnaval 2016, realiza- da em nosso Município. “Essa prestação de contas é de suma importância para o conhecimento de todos. E nossa solicitação visa, tão somente, o pleno exercício do controle externo da ges- tão pública local, e assim de- sempenhar nossa função fis- calizadora”, salientou o ve- reador. Cascalhamento e a instalação de galerias pluviais e o cascalhamento das seguintes ruas: Limpeza de terreno O vereador Cícero Souza da Silva por meio de indicação solicitou a limpe- za do terreno onde se en- contra a torre de telefonia, próxima a Rodoviária Mu- nicipal ou notifique o pro- prietário para que o faça com a máxima urgência. “No terreno mencionado o mata tomou conta do lugar, o que oferece risco a toda a população, uma vez que pode servir de esconderijo de animais peçonhentos ou até mesmo para pessoas mal intencionadas. Sendo neces- sário inclusive que o Muni- cípio notifique o proprietá- rio para que plante grama no terreno ou coloque pe- dras para evitar que o mato volte a tomar conta e deixa o lugar mais bonito”, disse o vereador. “Trata-se de uma me- dida simples, mas impor- tante, por isso esperamos contar com a compreensão do Ilustre Prefeito no que tange ao atendimento de nossa solicitação”, explicou Cícero. Limpeza de entulho - Cí- cero também solicitou jun- to a Secretaria de Obras, a limpeza dos entulhos, folhas e galhos de árvores, espa- lhados pela cidade. “A cida- de infelizmente está repleta de entulhos e ga- lhos, o que causa transtornos para todos, uma vez que com a chuva, se espalham dei- xando a cidade inteira suja, en- tupindo os buei- ros”, ressaltou.
  8. 8. Página 08 Campo Mourão, 26 e 27 de fevereiro de 2016 Especial PARANÁ NOTÍCIAS Sociedade Notícias De Rancho Alegre D’Oeste, vem à infor- mação que o policial militar aposentado, Disnei Frassom, anunciou que é pré-candidato a verea- dor. Em conversa com o Jornal Paraná Notícias, Frassom garantiu que irá colocar o nome a dis- posição do partido para uma disputa na Câmara de Vereadores. “Sempre participei de todos os processos eleitorais de Rancho Alegre, sempre colaboran- do, acredito que agora estou preparado para in- gressar no legislativo, já que estou aposentado da minha função de militar”, disse ele. Noúltimofimdesemana,Disneiesteveem Curitiba, onde manteve importantes contatos com a direção estadual do PPS, partido o qual está filiado. O burro da fazenda chega à cocheira cansado de pu- xar a carroça e arado o dia todo quando ao lado dele, o porco descansando no chiqueiro, tirou o maior sarro no burro. O burro chateado perguntou por que o motivo do riso, o porco respondeu: - Não é à toa que seu nome e burro. O burro perguntou: - O que eu faço para não ser burro? O porco disse: - Amanhã bem cedinho quando o pa- trão chegar finja que esta mancando, e ele não vai te levar trabalhar. No dia seguinte, o patrão foi buscar o burro na cocheira, vendo o burro machucado voltou para trás e con- versou com a esposa. -Mulher o burro está machucado não vou arar a terra, a mulher respondeu então: - Aproveita o dia e mata o porco. Porco esperto #SóquenãoPiadaPiadaPiadaPiadaPiada

×