Successfully reported this slideshow.
We use your LinkedIn profile and activity data to personalize ads and to show you more relevant ads. You can change your ad preferences anytime.

Jornal Paraná Notícias

133,252 views

Published on

A informação como ela é.

Published in: News & Politics
  • Login to see the comments

  • Be the first to like this

Jornal Paraná Notícias

  1. 1. "Sabemos que Deus age em todas as coisas para o bem daqueles que o amam, dos que foram chamados de acordo com o seu propósito" (Romanos 8: 28) Pág. 03 Campo Mourão, 29 e 30 de março de 2016 Igreja Só o Senhor é Deus realizou Convenção Mundial de Pastores Pág. 06 APOIO IMPORTANTE Betinho Lima apresentou grupo que irá colaborar em sua campanha Grupo do PSCdeixa o Pág. 03 partido e se filia no PTB RANCHO ALEGRE D’OESTE Pág. 03 O pré-candidato a prefeito de Goioerê pelo PSD, o ex-vereador Betinho Lima, apresentou na última semana, o grupo de apoiadores que segundo ele, já estão colaborando com sua pré-candidatura a prefeito de Goioerê. Engenheiro Beltrão inaugura unidade do CREAS Campo Mourão com saldo positivo na geração de emprego em 2016 O espaço é destinado a atendimentos especializados dentro da assistência social, contando com equipe própria composta por assistente social, advogado, e psicólogo. Venda de combustível aponta melhora da atividade econômica no Paraná As vendas de óleo diesel e de óleo combustível contrariaram a tendência nacional e cresceram no primeiro bimestre no Paraná, impulsionadas pelo transporte da safra agrícola e pela indústria do Estado. Pág. 07 Pág. 04 O evento que acontece ininterruptamente a 41 anos, tem por objetivo, proporcionar uma maior capacitação dos pastores e prepará-los para a atualidade. Pág. 05
  2. 2. GeralPágina 02 Campo Mourão, 29 e 30 de março de 2016 PARANÁ NOTÍCIAS Foi divulgada nessa semana, a relação de lojas que estarão participando do 16º Feirão Queima de Esto- que do Comércio de Cam- po Mourão, que vai aconte- cer nos dias 8, 9 e 10 de abril, na Praça da Catedral de São José. A promoção é da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) e a Associ- ação Comercial e Industri- al (Acicam), com o apoio do Município. Está confirmada a participação das seguintes empresas: Loja Elros, OM Jeans Wear, Mega Móveis, Amarelo Manga, Francis e Dany, Sportlland, Lojas Bi- anka, Armarinhos Dó, Ré, Mi, Elite Modas, Center Calçados, Chiquita e Baca- na, Via Polo, Menina Moça, Athletic Sport, Vida Bela, Divina Boutique, Fascini- os/Estilook, Bord Point, Rala Gata, Nívea Doria, Passarela da Moda, Cida Presentes, Centro da Moda, Viviane Presentes, Amo Je- ans, M&B Modas, Armari- nhos Souza, Moda Branca, Loucura Total, Mix Modas, Raven, Proccel Celular, Marcos Representações, Atual Modas, 100% Você, Cristal Presente, Espelho Meu, Maide Modas, Sapu Cururu, Bella Linge- rie e Fitness, Nina Morena, Joia Rara, Ella Store e Bit Control Informática. O número de empre- sas participantes do feirão é recorde e cerca de 15 lo- jas participarão pela primei- ra vez da tradicional pro- moção, que acontece duas vezes por ano, desde 2008. Todos os espaços disponí- veis para o funcionamento de lojas foram comercializa- dos e os organizadores es- timam que os preços de li- quidação que caracterizam o evento certamente vão atrair, uma vez mais, os con- sumidores de Campo Mou- rão e também de cidade vi- zinhas. Outros fatores positi- vos apontados pelos orga- nizadores é o número recor- de de empresas e o grande número de lojas que estarão participando pela primeira vez, o que vai ampliar ain- da mais a oferta de produ- tos, com a introdução de novidades para os consumi- dores. Funcionamento - Nos dias 8 (sexta-feira) e 9 (sábado), o funcionamento do 16º Feirão Queima de Estoque do Comércio de Campo Mourão será das 9 às 22 horas. Já no dia 10 (domingo), o atendimento se estenderá das 9 às 17 horas. Os consumidores vão encontrar vestuário em ge- ral para crianças, jovens e adultos de ambos os sexos, calçados, móveis, bolsas, bi- juteria, material esportivo, peças íntimas, acessórios fe- mininos, equipamentos de informática e roupa de cama, mesa e banho, além de muitos outros produtos. No local também funciona- rá uma praça de alimenta- ção. Trata-se de um dos maiores eventos do gênero realizado na cidade e o his- tórico da promoção é de su- cessivos recordes de públi- co e vendas. 16º Feirão Queima de Estoque divulga empresas participantes O número de empresas participantes do feirão é recorde e cerca de 15 lojas participarão pela primeira vez da tradicional promoção, que acontece duas vezes por ano, desde 2008 Acicam elege nova diretoria no dia 06 Caminhoneiro é o primeiro paranaense a renovar CNH com toxicológico O caminhoneiro Elenilson José Lopes, de Telêmaco Borba, foi o pri- meiro paranaense a renovar a Carteira Nacional de Ha- bilitação (CNH) com o exa- me toxicológico obrigató- rio. Desde que a Lei Fede- ral 13.103/2015 entrou em vigor, em 2 de março, o exa- me para detecção de consu- mo de substâncias psicoati- vas é exigido para quem vai tirar ou renovar carteira nas categorias C, D e E. Desde então, cerca de 7,5 mil paranaenses entraram com processos para conse- guir o documento. Lopes demorou 15 dias para concluir o proces- so e já recebeu a nova CNH. Ele conta que não enfrentou problemas para agendar a coleta, que é rápida e indo- lor. O exame toxicológico é feito com a coleta de fios de cabelo, pelos ou unha. “No Detran, eles me orientaram que eu deveria fazer o exa- me. Procurei um laboratório e,comonaminhacidadeain- da não tinha, fui até Ponta Grossa, que fica a uma hora e meia de viagem. Foi rápi- do, agendei pelo site”, disse. Telêmaco Borba ago- ra tem um ponto de coleta e os moradores não precisam mais se deslocar para fazer o exame. No caso de Lopes o resultado chegou em dez dias. “Levei a cópia para o médico credenciado ao De- tran no exame de saúde físi- ca e mental e fiz o restante do processo normalmente. Agora é só esperar a CNH chegar em casa”, disse ele. LABORATÓRIOS - O De- partamento Nacional de Trânsito(Denatran)creden- ciou seis laboratórios em todo País para serem res- ponsáveis pela rede de cole- ta. O Detran estima que pelo Será realizada no dia 6 de abril, das 13 às 18 horas, a eleição da diretoria da Associ- ação Comercial e Industrial de Campo Mourão (Acicam) para a gestão 2016-2018. A entida- de tem cerca de 1.200 associa- dos e a posse oficial dos eleitos acontecerá logo após o escru- tínio dos votos e a declaração do resultado da eleição. A votação com a partici- pação de chapa única acontece- rá no auditório da Acicam (no terceiro pavimento do Centro Empresarial Cidade). Será eleita a 26ª diretoria da enti- dade, que foi constituída le- galmente no dia 27 de junho de 1953 (quando Campo Mou- rão tinha apenas seis anos de emancipação político-admi- nistrativa). Foi a primeira en- tidade empresarial do Muni- cípio, que então abrangia boa parte do Vale do Piquirivaí. O primeiro presidente foi o co- merciante do ramo de mate- riais elétricos Oscar Franco Wolf. Atualmente a Acicam é presidida pelo comerciante Newton dos Santos Leal e a missão estabelecida no plane- jamento estratégico da insti- tuição é: “Representar e defen- der a classe empresarial, pres- tar serviços, promover o asso- ciativismo e parcerias público- privadas, contribuindo para o desenvolvimento socioeconô- mico de Campo Mourão”. Inúmeros serviços e parcerias são disponibilizados pela Acicam aos seus associa- dos. Proporcionalmente ao porte econômico do Municí- pio, a entidade está entre as maiores do Estado e o quadro social é composto por micro, pequenos e grandes empresas. Outra característica da enti- dade é a atuação não apenas na defesa dos direitos de seus associados e do comércio, in- dústria e prestação de servi- ço, mas também em ações na defesa dos interesses maiores de Campo Mourão e região. Além de atuar junto ás esfe- ras governamentais na busca de conquistas para o Municí- pio, também participou ativa- mente da criação do Fórum de Desenvolvimento, do Obser- vatório Social (o segundo im- plantado no país), etc. As ações de responsabi- lidade social são outra marca da Acicam. A de maior proje- ção é a Casa das Fraldas, mas a entidade também atende a comunidade com o encami- nhamento de processos para a expedição de Carteira de Trabalho e oferece atendi- mento gratuito para a popu- lação de menor poder aquisi- tivo nos casos de encaminha- mento de processo de aposen- tadoria, por exemplo. Atualmente a Acicam é presidi- da pelo comerciante Newton dos Santos Leal e a missão estabelecida no planejamento estratégico da instituição é: “Representar e defender a classe empresarial, prestar serviços, promover o associativismo e parcerias público-privadas, contribuindo para o desenvolvimento socioeconômico de Campo Mourão”. menos 130 cidades do Esta- do contam com postos capa- citados para fazer o exame. “Queremos que as questões técnicas sejam so- lucionadas entre os labora- tórios e o Denatran, sem que o usuário seja prejudicado”, destacou o diretor-geral do Detran, Marcos Traad. “Acredito que os valores se- rão estabilizados, os prazos ficarão menores e teremos mais unidades de coleta dis- poníveis com o tempo. En- quanto isso, estamos em di- álogo com o Denatran e os legisladores para sugerir melhorias.” O Detran entrou em contato com algumas uni- dades coletoras para traçar um cenário de como está a procura pelo exame. Muitas estão recebendo mais pedi- dos que o esperado e tive- ram que solicitar mais kits de coleta, que vêm dos Es- tados Unidos. Os laboratórios tam- bém disponibilizaram tele- fones com ligações gratui- tas para responder dúvida dos motoristas e indicar pontos de atendimento mais próximos. Os laboratórios também disponibilizaram telefones com ligações gratuitas para responder dúvida dos motoristas e indicar pontos de atendimento mais próximos
  3. 3. “ & FatosPolíticaFaltam 190 dias para as próximas eleições... Campo Mourão, 29 e 30 de março de 2016 Página 03PARANÁ NOTÍCIAS neutralidade, pelo menos até o come- ço do mês de agos- to, onde encerra o prazo para as con- venções. Claudinho disse que a mudança se fez necessária, uma vez que o PSC, li- derado pelo Depu- tado Estadual, Leonaldo Para- nhos, já havia fe- chado questão em apoiar um grupo político na cidade. “Quando em 2011, comeceiamontaro grupo, sempre deixei bem claro que o PSC seria um partido independente e os pré-candidatos, juntamente com a comissão provisória, decidiriam o futuro do par- tido”, disse Claudinho. “Não consigo enten- der que outras pessoas que não fazem parte do partido, tenham que escolher para onde devemos ir”, explicou Claudinho, que afirmou que oPSCdeverácontinuar,mas agora, com outro comando. O grupo escolheu o PTB – Alguns partidos fo- ram apresentados aos pré- candidatos e a escolha foi fei- ta em comum acordo com aqueles que gostariam de escolher o próprio caminho na eleição que se aproxima. “Encontramos no PTB, um projeto semelhante ao que queríamos há tempos atrás, o Deputado Estadual Tião Medeiros, nos deu total au- tonomiapradarmossequen- cia ao nosso projeto”, salien- tou o ex-presidente. Sem magoas e sem ressentimentos - “Não há da minha parte e também da parte daqueles que sempre estiveram ao meu lado, al- gum tipo de magoa ou res- sentimento com a nossa li- derança maior, que era o De- putado Paranhos, desejo a ele todo sucesso do mundo, já que lidera as pesquisas para prefeito em Cascavel, e possivelmente, será eleito”, frisou. Paranhos sem- pre foi parceiro e conseguiu viabilizar importantes con- quistas para o município, foi o deputado mais votado em 2014, e com certeza, uns dos melhores na Assembleia Le- gislativa. Nos próximos dias o Deputado Estadual Tião Medeiros deverá fa- zer uma visita na ci- dade, onde serão apresentados todos os pré-candidatos do partido. “Dos cinco pré-candidatos, qua- tro estão conosco no PTB, e ainda conta- mos com a filiação de um ex-vereador que irá nos ajudar nesse processo eleitoral”, disse Cruz. O pré-candi- dato a vereador, Val- dir Policarpo “Lói”, também assinou a fi- liação na nova agre- miação. “Vamos ou- vir todos os pré-can- didatos a prefeito e também devemos fazer uma coliga- ção, onde todos tenham chances reais de serem elei- tos, só ai, iremos decidir”, relatou Lói. “A política se faz com transparência e sem engana- ção, quando fui fazer a desfi- liação do PSC, descobri que haviam me filiado no PMDB, sendo que nunca assinei ficha alguma, e nun- ca desejei estar no PMDB, mas a vida segue, vamos tra- balhar”, disse o pré-candida- to, em tom de desabafo. Grupo do PSCdeixa o partido e se filia no PTB RANCHO ALEGRE D’OESTE Uma semana impor- tante e decisiva marcou al- gumas mudanças no cenário da política de Rancho Ale- gre D’Oeste. Uma delas foi a mudança brusca de um dos partidos que mais cresceram nos últimos anos, o PSC - que estava implantado no município desde 2011. Segundo o ex-presi- dente Claudinho Cruz, a mudança se deu devido às novasfiliaçõesqueforamfei- tas, principalmente, nos úl- timos dias, e também, para atender todos novos filiados e pré-candidatos. Sendo as- sim, o grupo em sua maio- ria, escolheu permanecer em APOIO IMPORTANTE O pré-candidato a prefeito de Goioerê pelo PSD, o ex-presidente da Câmara, Betinho Lima, apresentou na última sema- na, o grupo de apoiadores que segundo ele, já estão co- laborando com sua pré-can- didatura a prefeito de Goi- oerê. Conforme Betinho Lima, o grupo de apoiado- res lhe dará respaldo e tam- Betinho Lima apresentou grupo que irá colaborar em sua campanha bém estará executando al- gumas funções, deixando-o livre para trabalhar na cam- panha. “É um grupo coeso, com pessoas de diversos segmentos da sociedade, que estão comprometidas com o projeto de construir uma Goioerê cada vez me- lhor” - explicou Betinho. O grupo apresentado é formado pelas seguintes pessoas: Márcio Bonesi, Ju- nior Mori, Abdias Abrantes Neto, Rodrigo Fortis, Pau- lo Henrique, Zezé Sismeiro, Carlos Apoloni, Valdemir Mellero e Hélio Zimmer. NOS BAIRROS: Be- tinho também voltou a afir- mar que irá intensificar o trabalho que já vem sendo feito algum tempo nos Bair- ros. “As reuniões com a co- munidade são muito impor- tantes, pois precisamos ou- vir a demanda de todos os seguimentos da sociedade”, afirmou o pré-candidato. Claudinho Cruz, agora a frente do PTB Lói, também se filiou ao PTB
  4. 4. De segunda a sábado R$ 15,00 - Domingos e feriados R$ 17,00 - Marmitex pequena R$ 7,50 - Média R$ 10,00 - Grande R$ 12,00 Rua Santa Catarina, 2120 - Centro - Campo Mourão PR Fone: (44) 3017-1141 Campo Mourão, 29 e 30 de março de 2016 O restaurante do Moacir, localizado na área central de Campo Mourão, vem se tornando ponto de encontro de pessoas de toda região. A passeio ou a trabalho, muitas pessoas tem preferido o restaurante para fazer uma saborosa refeição. Com preços acessíveis e uma ótima qualidade, o restaurante já virou referência na região da Comcam. PARANÁ NOTÍCIASCidadesPágina 04 O prefeito de Enge- nheiro Beltrão, Elias Lima (PSD) inaugurou tarde des- sa segunda-feira, 28, a uni- dade do Centro Especializa- do de Assistência Social (CREAS) no município. O espaço é destinado a aten- dimentos especializados dentro da assistência soci- al, contando com equipe própria composta por assis- tente social, advogado, e psicólogo. A solenidade de inau- guração contou com a pre- sença de secretários muni- cipais de Engenheiro Bel- trão e profissionais do Nú- cleo Regional do Desenvol- vimento e Assistência Soci- al do Paraná, de Campo Engenheiro Beltrão inaugura unidade do CREAS Mourão. Na ocasião, o pre- feito Elias Lima destacou a importância dos trabalhos prestados pelo centro. “Nossa gestão sempre pre- zou a atividade da assistên- cia social, trazemos agora um trabalho especializado, para atender aqueles que mais precisam. Este é um marco para Engenheiro Beltrão”, disse Lima. O secretário de Assis- tência e Desenvolvimento Social do município, Mar- cos Alexandre de Carvalho, explicou que o CREAS vai oferecer atendimento espe- cializado e continuado a pessoas em situação de vul- nerabilidade social. Segun- do ele, a instalação da uni- dade é uma conquista para o município. Carvalho acrescentou que o serviço busca cons- truir um espaço para acolhi- mento de pessoas, fortale- cendo vínculos familiares e comunitários, priorizando a reconstrução de suas rela- çõesfamiliaresdentrodeseu contexto social. O CREAS receberá cofinanciamento estadual e federal para au- xiliar no funcionamento, com contrapartida da prefei- tura. O prefeito do municí- pio tinha assinado adesão ao programa desde setembro do ano passado, contando com aprovação também por parte do Conselho Munici- pal de Assistência Social. (Assessoria de imprensa) O espaço é destinado a atendimentos especializados dentro da assistência social, contando com equipe própria composta por assistente social, advogado, e psicólogo Professores da “Sala deApoio” participam de capacitação com equipe multidisciplinar O município de Engenheiro Beltrão reali- zou nessa terça-feira, 29, o 1º encontro com os profes- sores da “Sala de Apoio Pe- dagógico Escolar” das es- colas municipais. O evento foi organizado pela coorde- nadora e psicopedagoga Eloide Olegário da Silva Martinhago e pela fonoau- dióloga Daiani Regina Garcia, juntamente com o secretário Municipal de Educação Daniel Olegário da Silva. O encontro marcou o início dos trabalhos pro- movendo ao professor ori- entação e capacitação sobre as condições necessárias para estimular a aprendiza- gem nos alunos que estão inseridos na Sala de Apoio. “Baseando-se em análise de O encontro marcou o início dos trabalhos promovendo ao professor orientação e capacitação pesquisa entre os docentes, índices de IDBE, entre ou- tros, percebeu-se a neces- sidade do acompanhamen- to do apoio pedagógico di- ferenciado e individualiza- do. Diante desta necessida- de foi criado o Projeto de Apoio Pedagógico Esco- lar”, explicou o secretário da Educação. Segundo ele, as salas de apoio objetivam criar um ambiente que valori- zem as diferenças individu- ais facilitando o processo de ensino – aprendizagem que possibilitará melhora- ra na autoestima do aluno, dando-lhe segurança no meio que está inserido (sala regular), visto que, este fa- tor é imprescindível para a conquista da autonomia no processo educacional. O trabalho pedagógi- co com os educandos acon- tece em contra turno das aulas regulares, tendo como objetivo principal oferecer suporte pedagógi- co visando proporcionar avanços nos rendimentos escolares, necessários para o pleno desenvolvimento e garantia do direito à apren- dizagem. (Assessoria de imprensa) Prefeitura de Engenheiro Beltrão inicia entrega dos carnês do IPTU A prefeitura de En- genheiro Beltrão iniciou nesta semana a entrega dos carnês do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU). De acordo com informações do setor de tributação, de- verão ser entregues até o próximo dia 10 pelo menos 6,5 mil carnês do tributo. O A prefeitura de Engenheiro Beltrão, por meio da Secretária de Agricultura e Meio Am- biente já notificou até o momento cerca de 80 pro- prietários no município para limpeza de terrenos baldios. A medida visa eli- minar criadouros do mos- quito da dengue, entre outros animais peçonhen- tos. Além das notifica- ções estarem sendo feitas diretamente aos proprie- tários, loteadoras também estão sendo notificadas. O secretário de Agricultura e Meio Ambiente do municí- pio, Wilson Bagão explicou que antes o notificado tinha um prazo de 15 dias para providenciar a limpeza do terreno, roçada e retirada de resíduos, porém a lei foi alterada e o prazo agora foi reduzido para cinco dias. Se após este prazo o dono do imóvel não provi- denciar a limpeza, o próprio município faz as roçadas, porém o proprietário do lo- cal, além de multa, tem de arcar com as despesas da prefeitura para a limpeza, cujo valor é agregado ao IPTU (Imposto Predial Territorial Urbano). “A população pode ajudar realizando limpe- za de seus terrenos e aju- dando na fiscalização, do terreno vizinho, da rua, do bairro e notificando diretamente na prefeitu- ra, na secretária de Agri- cultura e Meio Ambien- te”, avisou Bagão. Segundo ele, o mu- nicípio vem intensifican- do desde o início do ano a fiscalização aos terre- nos baldios. Prefeitura já fez 80 notificações para limpeza de terrenos contribuinte que não rece- ber o carnê em casa deve se dirigir à praça de atendi- mento da prefeitura para solicitar o mesmo. Segundo o chefe do setor de tributação do mu- nicípio, Walmir Seguraço, a projeção do município para este ano é de uma arreca- dação de R$ 1 milhão com o imposto. Ele lembrou que o contribuinte que optar pelo pagamento à vista do tributo, tem até 20% de des- conto, neste caso o prazo é até o dia 10 de abril. Quem preferir pode também par- celar em até cinco vezes, com o vencimento do pri- meiro pagamento também dia 10 de abril. Seguraço pediu a co- laboração da população para que fique em dia como pagamento do imposto. Se- gundo ele, os recursos do tributo são revertidos em melhorias ao município. “A arrecadação é revertida para infraestrutura da cida- de, ou seja, o contribuinte é o próprio beneficiado”, lem- brou. Ele acrescentou que moradores com débitos do IPTU estão sujeitos a exe- cução fiscal, ou seja, enca- minhamento ao fórum para pagamento via judicial. “Pe- dimos a atenção dos contri- buintes com relação a isso para evitar transtornos ou complicações em decorrên- cia do não pagamento do imposto”, falou. (Assessoria de imprensa) De acordo com informações do setor de tributação, deverão ser entregues até o próximo dia 10 pelo menos 6,5 mil carnês do tributo
  5. 5. Local Campo Mourão, 29 e 30 de março de 2016 Página 05PARANÁ NOTÍCIAS 44. 9713-0742 9886-8379 Campo Mourão com saldo positivo na geração de emprego em 2016 Campo Mourão apresenta saldo positivo nos números de colocações no mercado de trabalho. Nos dois primeiros meses de 2016 o demonstrativo do Cadastro Geral e Empregados e Desemprega- dos - CAGED, do Ministério do Trabalho e Emprego, o número de novas colocações no mercado de trabalho, foi de 1.698 pessoas contra 1574 de demissões, tendo um saldo positivo de 124 empregados na cidade. De acordo com o gerente da Agencia do Trabalhador Leandro Cristiano da Silva o saldo positivo na geração de emprego deve-se ao crescimento do setor industrial e o comercio em Campo Mourão e o trabalho que vem sendo realizado com as empresas da cidade. Fiscalização em vans escolares será intensificada em Campo MourãoCom a capacidade para abrigar de 12 a 15 pas- sageiros sentados, as vans escolares são um dos prin- cipais meios utilizados pe- los estudantes para chegar às instituições de ensino. Por esse motivo, a Dire- tran, a Ciretran e a Policia Militar e com intuito de garantir a integridade físi- ca dos alunos pretendem intensificar a fiscalização nos veículos. As informações fo- ram passadas para os donos de vans escolares em uma reunião que aconteceu na manhã desta terça feira, 29, na sede da Diretran de Campo Mourão. O encon- tro contou com a presença do chefe da Diretran Nel- son Casarolli, Aspirante Dorneles e o chefe do De- tran de Campo Mourão Neuri Dalmolin. De acordo com a Po- licia Militar o transporte possui algumas legislações específicas, que devem ser seguidas a risca para evitar acidentes. Um dos requisi- tos necessários é a Autori- zação Para o Transporte Escolar, que é emitida pelo Detran, e regulada pelo Código de Trânsito Brasi- leiro. O artigo 136 do Có- digo de Trânsito Brasileiro indica que os veículos des- tinados à condução de alu- nos precisam de uma auto- rização emitida pelo órgão ou entidade executivo de trânsito dos Estados e do Distrito Federal para circu- lar. O mesmo artigo obriga o registro como veículo de passageiros, solicita a inspe- ção semestral para verifica- ção dos equipamentos obri- gatórios e de segurança; in- dica a pintura de faixa ho- rizontal na cor amarela, com quarenta centímetros de largura, à meia altura, em toda a extensão das par- tes laterais e traseira da car- roçaria, com o dizer “Esco- lar”, em preto. O chefe da Diretran Nelson Casarolli destacou a importância do encontro. “Foi muito produtiva a reu- nião. Buscamos resolver as pendências que alguns es- tão apresentando. É um ser- viço de grande responsabi- lidade e queremos todos trabalhem dentro da lega- lidade, oferecendo o melhor para os estudantes no tra- jeto casa-escola, e vice-ver- sa”, justifica Nelson Casaro- lli, da Diretran de Campo Mourão. Casarolli informou também que será realizada ampliação de sinalização horizontal e vertical nos es- tabelecimentos de ensino. Obras de prolongamento daAvenidaAlfeu Teodoro de Oliveira contam com pavimentação O artigo 136 do Código de Trânsito Brasileiro indica que os veículos destinados à condução de alunos precisam de uma autorização emitida pelo órgão ou entidade executivo de trânsito dos Estados e do Distrito Federal para circular Depois da instala- ção de galerias pluviais e amplo trabalho de terrapla- nagem com aterro estão sendo realiadas obras de pavimentação na Avenida Alfeu Teodoro de Oliveira “Avenida das Torres”, no trecho de ligação entre os jardins Alvorada e Cidade Nova. O projeto que envol- ve a ponte sobre o Rio 119, contará com o prolonga- mento da via, deste a Peri- metral Tancredo Neves, até a Avenida Manoel Mendes de Camargo, representando um novo acesso para a re- gião do Jardim Cidade Nova e Conjunto Fortunato Per- doncini. A abertura da via com instalação de galerias pluviais, pavimentação e revitalização de vias, estão orçados em R$ 670 mil, re- cursos viabilizados através da sobras da Câmara Mu- nicipal. A prefeita Regina Du- bayesteveacompanhandoos trabalhos nesta terça-feira, 29, quando conversou com moradores e falou do proje- to que já contou com revita- lização de vias na região do Jardim Alvorada. Ela refor- çou que as obras vêm sendo realizadas com muita quali- dade ainda argumentando sobre a importância da obra para a mobilidade urbana, considerando o crescimento da região do Jardim Cidade Nova com o novo conjunto habitacional Fortunato Per- doncini, que somente nesta primeira fase conta com 824 moradias. Realizado – No ano passa- do a Prefeitura de Campo Mourão realizou obras de pavimentação da Avenida Alfeu Teodoro de Oliveira. As obras que contaram com instalação de galerias plu- viais, resolvendo uma anti- ga reivindicação da comu- nidade, também contaram com calçada para pedestres, O projeto representa um novo acesso da região do Jardim Cidade Nova paisagismo e sinalização de trânsito, também beneficiou a Rua Vani Borges Macedo, com investimentos de R$ 542.133,79, sendo R$ 500 mil viabilizados pelo Go- verno Federal e contrapar- tida de R$ 42.133,79 do próprio município.
  6. 6. Página 06 Campo Mourão, 29 e 30 de março de 2016 PARANÁ NOTÍCIAS Igreja Só o Senhor é Deus realizou Convenção Mundial de Pastores No último final de semana, 26 e 27, a Igreja Evangélica Missionária Só o Senhor é Deus realizou na sede mundial da igreja na cidade de Maringá – PR, a tradicional Convenção Mundial de Pastores. O evento que acontece inin- terruptamente a 41 anos, tem por objetivo, pro- porcionar uma maior capa- citação dos pastores e pre- pará-los para a atualidade. A igreja fundada em Marin- gá nos anos 70 já está em 19 estados brasileiros e em sete países. No Paraná, o Ministério da Só o Senhor é Deus está ra- mificada em 317 cidades possuin- do 541 igrejas. Segundo o vice-presiden- te mundial da igreja, o Bispo Marciano, so- mente no Para- ná, há aproxi- madamente 80 mil membros e 300 mil no mundo inteiro. “A igreja está se inovando no propósito de alcan- çar aqueles que ain- da não foram alcan- çados”, disse o Bispo. Já o presidente mundial da igre- ja, o Bispo Darci Amorim, disse que o Ministério Só o Senhor é Deus tem cresci- do devido ao traba- lhado pautado na Palavra de Deus. “Temos a Bíblia como inspiração para nos- sos ensinamentos e busca- mos o alvo da salvação que o Nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo”, O evento de- nominado “Convenção Mundial de Pastores”, acontece todo ano na sema- na santa e reúne mais de 1000 pessoas, entre obrei- ros, pastores e esposas, dis- se o presidente.
  7. 7. GovernoPARANÁ NOTÍCIAS Campo Mourão, 29 e 30 de março de 2016 Página 07 Venda de combustível aponta melhora da atividade econômica no Paraná As vendas de óleo diesel e de óleo combustível contrariaram a tendência nacional e cresceram no pri- meiro bimestre no Paraná, impulsionadas pelo trans- porte da safra agrícola e pela indústria do Estado. A venda de óleo die- sel e combustível é conside- rada um dos principais indi- cadores da atividade econô- mica, por estar relacionada diretamente ao ritmo de transporte de cargas no País e da produção industrial. No Paraná, a comer- cialização de óleo diesel au- mentou 6,7% no primeiro bimestre deste ano, na com- paração com o mesmo perí- odo do ano passado, che- gando a 829,8 mil metros cúbicos, de acordo com da- dos da Agência Nacional de Petróleo Gás Natural e Bi- ocombustíveis (ANP). O aumento na venda de óleo diesel no Paraná ocorre em um momento em que há um recuo das ven- das deste produto em todo o Brasil, reflexo da baixa atividade econômica. Os números da ANP mostram uma queda de vendas de 6,6% no País na mesma base de comparação, para 8,22 milhões de metros cúbicos de óleo diesel. DADOS REGIONAIS - O Paraná também teve o me- lhor resultado entre os es- tados do Sul e do Sudeste, que, em sua maioria, regis- traram queda nas vendas no período. A maior queda nas duas regiões, de acordo com dados da ANP, foi no Espí- rito Santo, com recuo de 19,5%, no Rio de Janeiro (- 7,1%), São Paulo e Minas Gerais, com queda de 5,5% cada um. “O mercado de diesel é muito associado ao nível de atividade econômica e os números refletem uma con- dição melhor para o Para- ná, principalmente em fun- ção da safra agrícola”, diz Julio Suzuki Júnior, diretor- presidente do Instituto Pa- ranaense de Desenvolvi- mento Econômico Social (Ipardes). INDÚSTRIA - A venda de óleo combustível, usado principalmente pela indús- tria, também cresceu no pe- ríodo, o que pode indicar melhora no ritmo de produ- ção do setor. O óleo com- bustível é usado para ali- mentar caldeiras e fornos industriais em diversos se- tores, como papel e celulo- se, metalúrgico, de frigorí- ficos, por exemplo. No acumulado de ja- neiro e fevereiro, as vendas de óleo combustível aumen- taram 57,7% no Paraná em relação ao mesmo período do ano passado - para 22,2 mil metros cúbicos. No Bra- sil, a queda foi de 27,5% na mesma base de comparação, para 687,2 mil metros cú- bicos. O aumento da venda de óleo combustível pode estar relacionada à tendên- cia de recuperação da indús- tria, um dos setores mais afetados pela crise econômi- ca, de acordo com Suzuki Júnior. Em janeiro, a indús- tria paranaense apresentou um crescimento de 2,2% da produção em relação a de- zembro de 2015, segundo dado mais recente do IBGE. O resultado interrompeu uma sequência de três que- das consecutivas. Na mesma base de comparação, o Bra- silregistrouvariaçãomenor, de 0,4%. Em relação a janei- ro do ano passado, no entan- to, a produção ainda está 13,6% menor, acompanhan- do o resultado nacional. O aumento na venda de óleo diesel no Paraná ocorre em um momento em que há um recuo das vendas deste produto em todo o Brasil, reflexo da baixa atividade econômica Paranávaiimplantarprojetopioneirodeproteçãoàcriança Representantes da Secretaria de Estado da Jus- tiça, Cidadania e Direitos Humanos se reuniram no final da tarde desta terça- feira, 29, no Tribunal de Justiça com a desembarga- dora Lídia Maejima para discutir a implementação do Projeto Criança e Adoles- cente Protegidos no Esta- do a partir de maio. O projeto, pioneiro no país, visa garantir a cartei- ra de identidade, por meio da coleta de impressões di- gitais por biometria, a to- das as crianças e adolescen- tes matriculados em escolas da rede pública estadual e municipal do Estado do Pa- raná, assegurando os dire- tos de cidadania e fortale- cendo a rede de segurança pública contra desapareci- mentos. Também serão in- cluídos no projeto adoles- centes internados em Uni- dades Socioeducativas e re- cém-nascidos em materni- dades do Estado. O projeto será desen- volvido pelo Governo do Estado, por meio da Secre- taria Estadual de Justiça, em parceria com o Tribu- nal de Justiça do Paraná. Segundo o secretário de Estado da Justiça, Arta- gão Júnior, o projeto vai ser implantado de início nos municípios que têm postos de atendimento totalmente informatizado, ou seja, que possibilita fazer a carteira de identidade por biometria. “Após a licitação para a compra dos demais equipa- mentos o projeto será im- plantado em todo o Estado, com o objetivo de zerar a falta de registro”, ressalta. Para a execução do projeto será disponibilizado o valor de R$ 2.980.108,07 do Fundo Estadual para a Infância e Adolescência (FIA) que já foram aprova- dos pelo Conselho Estadu- al dos Direitos da Criança e do Adolescente (Cedca/ PR). O valor será destina- do à compra de 384 equipa- mentos para todos os mu- nicípios que não tem ainda a condição da biometria. A reunião foi promo- vida por vídeoconferência com magistrados de Lon- drina e Maringá, e também contou com a presença do secretário de Estado para Assuntos Estratégicos, Flá- vio Arns, e demais repre- sentantes das Secretarias de Estado envolvidas. Também participam do projeto a Secretaria de Estado da Segurança Públi- ca e Administração Peni- tenciária; a Secretaria para Assuntos Estratégicos; Se- cretaria de Estado da Edu- cação; a Secretaria de Esta- do do Trabalho e Desenvol- vimento Social; Secretaria de Estado da Ciência, Tec- nologia e Ensino Superior; a Companhia de Tecnologia da Informação e Comunica- ção do Paraná (Celepar). IMPLEMENTAÇÃO DO PROJETO - O início da implementação do Projeto será na primeira sexta-fei- ra de cada mês para atendi- mento exclusivo do público- alvo, utilizando-se da estru- tura dos Postos de Atendi- mento Totalmente Infor- matizados (Pati). São 26 municípios que possuem o Pati: Apuca- rana, Bocaiúva do Sul, Pi- nhais, Rio Branco do Sul, Araucária, Campo Mourão, Cascavel, Cornélio Procó- pio, Curitiba, Foz do Igua- çu, Francisco Beltrão, Gua- rapuava, Jacarezinho, La- ranjeiras do Sul, Londrina, Maringá, Paranaguá, Para- navaí, Pato Branco, Ponta Grossa, Telêmaco Borba, Guaíra, Toledo, Umuara- ma, São Mateus do Sul e União da Vitória. O PROJETO - O Projeto Criança Protegida foi o primeiro colocado na categoria Tribunal do XII Prêmio Innovare, um dos mais importantes premia- ções da Justiça Brasileira. O Prêmio foi entregue em de- zembro de 2015, no Supre- mo Tribunal Federal, em Brasília. O projeto será desenvolvido pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria Estadual de Justiça, em parceria com o Tribunal de Justiça do Paraná
  8. 8. Página 08 Campo Mourão, 29 e 30 de março de 2016 Especial PARANÁ NOTÍCIAS PiadaPiadaPiadaPiadaPiada Por onde andas?Por onde andas?Por onde andas?Por onde andas?Por onde andas? Memória VivaMemória VivaMemória VivaMemória VivaMemória Viva Avenida Capitão Índio Bandeira, final dos anos 1970 Fonte: Museu Municipal Campo Mourão Por andas? Paulistano nascido no tradicional bairro de Santana, fez parte da Jovem Guarda na década de 1960, criando em 1967 a música “Coração de papel”. Sérgio Reis gravou seu primeiro disco de música sertaneja com a música “Menino da gaita” em 1972. Seguiu-se o sucesso de “Menino da Porteira”, “Adeus Maria- na”, “Disco Voador”, “Pa- nela Velha”, “Filho Adoti- vo”, “Pinga ni Mim” e vá- rias outras canções. Seu disco O Melhor de Sérgio Reis, lançado em 1981, vendeu mais de 1 mi- lhão de cópias. Como ator, trabalhou em algumas telenovelas, como Pantanal e A Histó- ria de Ana Raio e Zé Tro- vão, na extinta TV Man- chete, e Paraíso” e O Rei do Gado, na Rede Globo. Seu último trabalho como ator foi na telenovela Bicho do Mato, na Rede Record. Na telenovela O Rei do Gado, o personagem de Sérgio fazia uma dupla ser- taneja com o personagem de Almir Sater, e a dupla era denominada “Pirilampo & Saracura”, gravando, inclu- sive, canções para a trilha sonora. Em 2010, então filia- do ao Partido da República (PR), lançou-se candidato a deputado federal por Minas Gerais, mas desistiu da dis- puta. Já nas eleições de 2014, concorreu ao mesmo cargo, desta vez pelo Parti- do Republicano Brasileiro (PRB) e pelo Estado de São Paulo, elegendo-se com 45.330 votos. Seu mandato de quatro anos teve início em 1º de fevereiro de 2015. Sérgio Reis apoia o impea- chment da Presidente Dil- ma Rousseff (PT). Nadelegacia,apare- ce um cidadão e diz que quer confessar. O delegado pergunta: - O que aconteceu? E o homem: - Doutor eu matei mi- nha sogra! - Bem meu filho, você cometeu esse crime, mas deveria estar muito altera- do - disse o delegado - não se importe, vá pra casa e descanse. Está tudo bem. - Mas doutor eu en- terrei a velha! - Ah meu filho viu que boa alma você é? En- terrou sua sogra. As sim já evitou toda aquela burocra- cia. - Dou- tor!!! Mas quando eu esta- va enterrando ela gritava que ainda es- tava viva! - Ô meu filho e você não sabe que toda a sogra é men- tirosa? O assassinato da sogra

×